Quarta-feira, Junho 19, 2024
InícioArtigos LusopressRhode Island declara junho o mês da herança portuguesa

Rhode Island declara junho o mês da herança portuguesa

A comunidade portuguesa no estado norte-americano de Rhode Island vive um momento histórico. A State House de Rhode Island aprovou junho como o mês do orgulho e herança portuguesa.

Um momento de elevado significado histórico e cultural para esta que é percentualmente a maior comunidade portuguesa nos Estados Unidos.

“Os portugueses têm uma história rica em Rhode Island, marcada por trabalho árduo, perseverança e um espírito de exploração invencível. Desde os primeiros imigrantes que chegaram em busca de uma nova vida até aos líderes e inovadores dos tempos modernos. Os lusoamericanos desempenharam um papel vital na formação das paisagens económica, social e cultural deste estado”, disse Orlando Mateus, um dos impulsionadores desta iniciativa.

Um discurso emocionado onde o lusodescendente ainda acrescentou. “Ter o nosso estado a reconhecer formalmente junho como o Mês do Património Lusoamericano é reconhecer a dor e o suor dos nossos antepassados, os sonhos que transportaram através do Atlântico e o legado que nos confiaram. É um testemunho da sua jornada de Portugal até aos portos deste estado, onde encontraram um novo lar e plantaram as sementes da nossa herança que continuam a florescer até hoje”.

Orlando Mateus referiu ainda que este momento deve ser utilizado para a diáspora refletir o futuro do legado. “Devemos partilhar as histórias do nosso passado, interagir com a nossa comunidade no presente e inspirar as jovens mentes que levarão o nosso legado para o futuro. Abramos os nossos corações e as portas culturais a todos os habitantes de Rhode Island, convidando-os a experienciar o vibrante tapeçaria do património lusoamericano — a nossa música, a nossa arte, a nossa literatura e o calor da nossa comunidade”.

Homenagem à Comunidade Portuguesa na State House

Na sexta-feira, dia 7 de junho, o Secretário de Estado das Comunidades, José Cesário, de visita aos EUA, participou na sessão de homenagem à Comunidade Portuguesa na State House do Estado de Rhode Island.

A ocasião reuniu vários elementos da diáspora e lusodescendentes eleitos na Câmara dos Deputados.

State House de Rhode Island aprovou junho como o mês do orgulho e herança portuguesa.
State House de Rhode Island aprovou junho como o mês do orgulho e herança portuguesa.
 State House de Rhode Island aprovou junho como o mês do orgulho e herança portuguesa.

Junho, o mês da herança portuguesa

“Agora já podem colocar as bandeiras de Portugal em frente das casas o mês inteiro de junho e não só uma semana”, disse James Ferreira, presidente da Organização Rhode Island Day of Portugal, durante a sessão solene em Cumberland onde enalteceu duas pessoas fundamentais para tornar real este feito.

Orlando Mateus, lusodescendente residente em Rhode Island, foi o grande impulsionador desta iniciativa. Personalidade carismática entre toda a diáspora portuguesa naquele estado norte-americano. É igualmente responsável pela organização e concretização de vários eventos de promoção da portugalidade junto da comunidade portuguesa, lusodescendente e norte-americana também.

Por outro lado, a Senadora Jessica de la Cruz surge como personalidade central de todo este reconhecimento político da força da comunidade portuguesa em Rhode Island.

Segundo Estado dos EUA a reconhecer mês da herança portuguesa

“Na minha cabeça ainda sou jovem, mas já tenho 52 anos. Sinto-me orgulhoso por poder ajudar a perpetuar o nosso legado nos EUA, principalmente para as novas gerações. É fundamental dar continuidade à nossa cultura e tradições num país onde há tantos portugueses”, sublinhou James Ferreira.

O vice-cônsul de Portugal em Providence, Eduardo Ramos, também marcou presença na sessão solene em Cumberland. “Celebrar o dia de Portugal nos EUA é sempre muito importante e emotivo, mas este ano é ainda mais. Conseguimos aprovar junho como o mês do orgulho e herança portuguesa nos EUA. Somos o segundo Estado norte-americano a fazê-lo, o primeiro foi Massachusetts. Queremos ver mais Estados com a mesma iniciativa, até que seja possível torná-la uma lei federal”, revelou o governante.

Por fim, e antes do encerramento da sessão, o mayor daquela vila de Rhode Island deixou palavras de apreço à diáspora. “O mês da herança portuguesa nos EUA é uma forma de unir as norte-americanos, portugueses e lusodescendentes na celebração da cultura, tradição e idioma neste estado de Rhode Island. Estamos gratos por todo o esforço e dedicação da comunidade portuguesa na concretização deste feito”, assinalou o presidente da Câmara de Cumberland, Jeffrey Mutter.

ARTIGOS RELACIONADOS

Artigos Populares