Quarta-feira, Junho 19, 2024
InícioArtigos LusopressEleições Europeias: quem são os candidatos?

Eleições Europeias: quem são os candidatos?

Os eleitores portugueses vão voltar às urnas. As eleições europeias decorrem entre 6 e 9 de junho para escolher os deputados que irão representar Portugal no Parlamento Europeu. A uma semana do escrutínio é importante saber quem são os candidatos.

Um organismo composto por eurodeputados eleitos nos 27 países da União Europeia. Por outro lado, é importante perceber por que motivo cada eleitor deve exercer o seu direito de voto neste escrutínio.

É a oportunidade de milhões de europeus poderem participar diretamente no futuro da democracia europeia, uma vez que o Parlamento Europeu é responsável pela criação e aprovação de leis que impactam a vida de todos os países e cidadãos europeus, independentemente do seu tamanho, densidade populacional, assim como nas pequenas e grandes empresas. Por outro lado, também são os eurodeputados que aprovam o orçamento da União Europeia. Ou seja, são responsável pelos valores posteriormente entregues aos Estados-membros. E, por fim, ainda controlam a utilização dessas verbas nos países da UE.

As eleições europeias acontecem a cada cinco anos e o Parlamento Europeu é a única assembleia transnacional do mundo eleita por sufrágio direto. Desta forma, cada eurodeputado tem por obrigação representar e defender os interesses de todos os cidadãos da EU a nível europeu.

Eleições Europeias: quem são os candidatos

  • Aliança Democrática: Sebastião Bugalho
  • Partido Socialista: Marta Temido
  • Chega: António Tânger Corrêa
  • Iniciativa Liberal: João Cotrim de Figueiredo
  • Livre: Francisco Paupério
  • Bloco de Esquerda: Catarina Martins
  • Partido Comunista: João Oliveira
  • PAN: Pedro Fidalgo Marques
  • Alternativa Democrática Nacional: Joana Amaral Dias

Apesar de cada candidato se apresentar nesta corrida eleitoral em nome de um determinado partido português, na Europa os grupos parlamentares são constituídos depois do resultado das eleições.

Isto é, depois de eleito, cada eurodeputado enquadrar-se-á no grupo político europeu que melhor se adapte às suas ideologias. Cada grupo parlamentar europeu tem pelo menos 23 deputados eleitos em representação de, pelo menos, um quarto dos países da União Europeia.

Atualmente, existem sete grupos políticos no Parlamento Europeu: Grupo do Partido Popular Europeu (Democratas-Cristãos), Grupo da Aliança Progressista dos Socialistas e Democratas no Parlamento Europeu, Renew Europe Group, Grupo dos Verdes/Aliança Livre Europeia, Grupo dos Conservadores e Reformistas Europeus, Grupo Identidade e Democracia e, por fim, Grupo da Esquerda no Parlamento Europeu – GUE/NGL.

No total, serão eleitos 720 eurodeputados. O número de eurodeputados eleitos por cada país da União Europeia é acordado antes de cada escrutínio. Isto com base no princípio da proporcionalidade degressiva, ou seja, cada deputado de um país maior representa mais pessoas do que um deputado de um país mais pequeno. Em contrapartida, os portugueses elegem 21 eurodeputados.

Em Portugal, a votação nas eleições europeias acontece a 9 de junho. Nesse sentido, os cidadãos residentes em países da União Europeia votam, presencialmente, nas representações diplomáticas, nos dias 8 e 9 de junho.

ARTIGOS RELACIONADOS

Artigos Populares