Sábado, Maio 25, 2024
InícioArtigos LusopressAçores: Festas do Santo Cristo dos Milagres com missa em inglês

Açores: Festas do Santo Cristo dos Milagres com missa em inglês

As Festas do Santo Cristo dos Milagres, que anualmente juntam milhares de pessoas em Ponta Delgada, Açores, vão arrancar a 03 de maio. A organização anunciou que será celebrada uma missa em inglês para turistas e emigrantes no inicio das festividades.

“No domingo, pelas 08:00 da manhã será celebrada missa em inglês na igreja paroquial de São José. Esta será orientada para turistas e alguns emigrantes que tenham mais dificuldades em entender o português”, adiantou o cónego Manuel Carlos Sousa Alves. 

O reitor do Santuário do Senhor Santo Cristo falava à comunicação social no convento da Esperança na apresentação das festas deste ano, que vão decorrer de 03 a 09 de maio. 

Um momento igualmente aproveitado para apresentar a capa que vestirá a imagem do Santo Cristo este ano. Como resultado de uma oferta feita por uma família de crentes da freguesia de Santa Bárbara, em Ponta Delgada.

Missa em inglês para emigrantes e turistas

As maiores festas religiosas dos Açores recebem anualmente milhares de pessoas oriundas de todas as ilhas do arquipélago e do continente. Bem como emigrantes oriundos dos Estados Unidos e do Canadá.

Questionado pela realização da missa em inglês, Carlos Sousa Alves disse ser importante prestar esse “serviço às pessoas” que não entendem português.

“Muita gente vem de fora e não fala português. É importante prestar esse serviço e temos quem o faça em condições”.

Cónego Manuel Carlos Sousa Alves

O ponto alto das festas está marcado para 05 de maio com a realização da procissão com a saída da imagem do Santo Cristo dos Milagres às 16:30. 

Depois da missa em inglês, o ponto alto das Festas do Santo Cristo dos Milagres em Ponta Delgada, Açores, será a procissão com a saída da imagem do Santo Cristo dos Milagres

“Iremos manter o formato das festas que existia antes da pandemia”

As festividades serão presididas este ano pelo bispo Myron Cotta. Apesar de ser proveniente de Stokcton, na Califórnia, é “filho de pais açorianos, nascido nos Estados Unidos”. 

“Procuraremos não retocar o formato das festas porque qualquer alteração, por mais justificável que seja, causa ruído. Por esse motivo, iremos manter o formato das festas que existia antes da pandemia”, sinalizou.

O reitor do santuário mais importante da diocese açoriana apelou ainda à “contenção no consumo, respeito pelo ambiente”. Além disso, pediu cumprimento das “orientações dos agentes da autoridade”.

“A segurança das pessoas é um bem que nos deve preocupar a todos. Será inevitável surgirem alguns momentos de tensão. E cada um deve usar as melhores qualidades humanas para ultrapassar as dificuldades”.

Por outro lado, relativamente à parte profana, o provedor da Irmandade do Senhor Santo Cristo avançou que deverão existir 10 a 12 espaços de restauração na avenida Kopke. Além disso, vão participar mais de 20 bandas filarmónicas no evento. Com destaque para a presença da banda filarmónica Recreio dos Artistas da ilha Terceira.

O provedor Carlos Faria e Maia disse, igualmente, que o desfile de viaturas no campo de São Francisco não consta do programa das festas por razões de segurança. E justificou, “atingiu um patamar que não é possível disciplinar”. 

Nota histórica

De acordo com dados históricos, a primeira procissão em honra do Santo Cristo dos Milagres teve lugar em Ponta Delgada, a 11 de abril de 1700. Ano em que, inesperadamente, a ilha de São Miguel registou fortes sismos.

RPYP // MCL (Lusa)

ARTIGOS RELACIONADOS

Artigos Populares