08 Dec, 2019 Última Actualização 1:10 PM, 5 Dec, 2019

"Dovrum Experience" à boleia do chef Manuel Almeida, um cozinheiro do Mundo

 

Foi pelas margens do rio Douro, na calçada da cidade de Gaia, que a Lusopress foi degustar algumas especialidades do chef Manuel Almeida. E há petiscos para todos os gostos. Só no Mercado da Beira-Rio são três os espaços assinados por si. Define-se como “cozinheiro do Mundo”. Cada nova aventura de Manuel Almeida tem sempre como fio condutor a gastronomia de proximidade. Mais do que conhecer o talento para a cozinha, descobriu-se um homem empreendedor, que nunca se cansa de criar novos projectos. Neste momento, são cinco os espaços abertos ao público, com dois pontos em comum: a qualidade dos produtos e a paixão pelo Douro. Um novo espaço, um novo projecto, também em Gaia, seguindo a mesma temática do Douro, o Dourum Experience, um wine bar e loja com oferta de vinhos e produtos da região.

Manuel Almeida é o verdadeiro homem dos sete ofícios. A par dos projectos pessoais presta também serviços de consultoria, onde colabora há cerca de dois anos com a empresa Canelas, em Paris, na organização de eventos. Tem cerca de três décadas de experiência na gastronomia, e a sua formação teve início na Escola de Hotelaria e Turismo do Porto. Paixão é o que chama à sua vocação para a cozinha. Com a arte de saber conciliar todos os seus projectos e ocupações, Manuel Almeida nunca que diz que um projecto será o último.

Feira do Alvarinho de Monção bateu todos os records

 

A Feira do Alvarinho de Monção regressou ao Parque das Caldas para mais três dias de provas de vinho, degustação de produtos locais e animação musical. Durante o certame, mais de 30 produtores de Alvarinho da sub-região de Monção e Melgaço apresentaram os seus melhores vinhos. A feira tem como finalidade a defesa e valorização deste ex-líbris do concelho de Monção, reforçando a sua condição de instrumento estratégico para a competitividade económica da região.

Nesta que foi a 23ª edição do certame, foram vendidos mais 50% dos copos do que na edição do ano passado, o que leva a crer na visita de mais de 100 mil visitantes.

Fátima Lopes apresentou em Lisboa colecção inspirada em Portugal

 

Depois de Paris, Lisboa. Fátima Lopes apresentou a colecção Outono/Inverno 2019/2020 no Epic Sana Hotel, em Lisboa. Uma colecção cheia de sensualidade e ousadia, com contrastes de cor e formas. "Portugal na sua essência, Portugal Moderno” foi a inspiração desta colecção que pretende ser um apelo ao Orgulho Nacional. Nela estão reflectidos vários aspectos da cultura nacional como a calçada portuguesa, o mar ou a saudade.

VII Open Internacional de Cadetes, em Tomar, assente em troca de experiências

 

Tomar recebeu o VII Open Internacional de Cadetes, um evento organizado pela Associação de Judo do Distrito de Santarém. Foram mais de 200 atletas e treinadores, de 50 clubes de três países: Portugal, Espanha e França. Troca de experiências e potenciar geminações foram outros objectivos em jogo, além da competição em si. Para além do torneio, seguiu-se o 14º Estágio Internacional, também no Pavilhão Municipal da Cidade de Tomar. A formação foi conduzida pelo francês Darcel Yandzi, um dos maiores vultos do judo a nível mundial. É intenção deliberada da Associação de Judo do Distrito de Santarém poder contar com atletas lusodescendentes que queiram competir com as cores nacionais. 

Governo português lança jornadas “Estudar e Investigar em Portugal 2019” para emigrantes e lusodescendentes

 
 
O Secretário de Estado da Ciência, Tecnologia e Ensino Superior de Portugal esteve em Paris para participar e divulgar a iniciativa de promoção do Ensino Superior português. O público-alvo da iniciativa são as comunidades portuguesas e lusodescendentes que queiram estudar em Portugal.O encontro decorreu no Consulado Geral de Portugal em Paris e contou com a presença do Embaixador Jorge Torres Pereira e do Cônsul António Moniz. Fizeram ainda parte da comitiva o presidente do Conselho de Reitores das Universidades Portuguesas, António Fontainhas Fernandes e o presidente do Conselho Coordenador dos Institutos Superiores Politécnicos, Pedro Dominguinhos.
 
Durante a conferência, o Secretário de Estado explicou o sistema de quotas para os portugueses que moram fora de Portugal e a forma como este sistema pode ser utilizado. João Sobrinho Teixeira ressalvou ainda que o canal de comunicação tem falhado na informação e divulgação dos 7% de lugares disponíveis em qualquer curso para a comunidade portuguesa. O presidente do Conselho de Reitores das Universidades Portuguesas salientou que Portugal é um dos países mais seguros do mundo e dos mais baratos para estudar.Já Pedro Dominguinhos reforçou a vontade de querer ter mais estudantes lusodescendentes nas suas instituições, apostando forte na internacionalização. O lusodescendente Erwan Chadli-Gomes estudante de Mestrado em Bruxelas e licenciado em Relações Internacionais pela Universidade do Porto, foi um dos alunos que escolheu Portugal para estudar e partilhou a sua experiência.