Segunda-feira, Fevereiro 26, 2024
InícioNotíciasDiásporaEmbaixada pede tranquilidade e ponderação à comunidade portuguesa em Cabo Verde

Embaixada pede tranquilidade e ponderação à comunidade portuguesa em Cabo Verde

A Embaixada de Portugal em Cabo Verde pediu hoje tranquilidade, ponderação e máxima cautela à comunidade naquele país africano, após anunciar mais 45 casos positivos de coronavírus num hotel na ilha da Boa Vista, totalizando 56 no arquipélago.

“É importante que a comunidade proceda com tranquilidade e com a máxima cautela e ponderação, mantendo as práticas de higiene individual, isolamento social e segurança recomendadas pela OMS (Organização Mundial de Saúde) e pelas autoridades de saúde portuguesas e cabo-verdianas”, apelou a embaixada portuguesa na cidade da Praia. Num comunicado publicado nas suas páginas oficias, a embaixada pediu ainda aos cidadãos portugueses para respeitarem “todas as indicações e restrições das autoridades cabo-verdianas, incluindo as que dizem respeito a limitação de circulação”.

Também considerou ser “fundamental combater a desinformação e a proliferação de boatos e notícias falsas, que poderão contribuir para um agravamento e prolongamento da situação”. “Apenas deve ser dada credibilidade a informações provenientes de fontes oficiais, e não devem ser divulgadas ou partilhadas informações sem confirmação oficial”, prosseguiu a mesma fonte, que disse compreender a “preocupação” da comunidade portuguesa residente em Cabo Verde, neste “momento inédito” no país e no mundo.

Para poder apoiar da melhor forma os cidadãos com nacionalidade portuguesa em Cabo Verde, a embaixada avançou que se encontra a decorrer um processo informal de atualização de dados consulares através de um formulário online. A chancelaria portuguesa na Praia referiu que, apesar da suspensão temporária dos serviços de atendimento presencial e das restrições impostas pelo atual estado de emergência em Cabo Verde, a Secção Consular mantém-se em laboração, atendendo, esclarecendo, apoiando e registando as solicitações da comunidade, dentro dos horários de expediente normais. “Muito embora não nos seja possível monitorizar ou responder a comentários em redes sociais, assumimos desde o início o compromisso de fazer o atendimento através dos contactos de e-mail e telefónicos inicialmente divulgados”, avançou.

No mesmo comunicado, a embaixada portuguesa na Praia disponibilizou contactos para esclarecimentos e ainda páginas com informações oficiais, tanto de Cabo Verde, como de Portugal. Cabo Verde anunciou hoje mais 45 casos positivos de coronavírus entre os funcionários do hotel Riu Karamboa, na ilha da Boa Vista, elevando para 56 o total no país. Os restantes são nas ilhas de Santiago (3) e São Vicente (1). O país cumpre hoje 18 dias, de 20 previstos, de estado de emergência para conter a pandemia provocada pelo novo coronavírus, com a população obrigada ao dever geral de recolhimento, com limitações aos movimentos, empresas não essenciais fechadas e todas as ligações interilhas e para o exterior suspensas. O Presidente da República, Jorge Carlos Fonseca, anunciou, entretanto, que vai comunicar ao país, na quinta-feira ou sexta-feira, a decisão sobre a prorrogação ou não do estado de emergência. A nível global, a pandemia de covid-19 já provocou quase 127 mil mortos e infetou mais de dois milhões de pessoas em 193 países e territórios. Mais de 428 mil doentes foram considerados curados. A doença é transmitida por um novo coronavírus detetado no final de dezembro, em Wuhan, uma cidade do centro da China.

 

FONTE: LUSA

ARTIGOS RELACIONADOS

Artigos Populares