08 Dec, 2019 Última Actualização 1:10 PM, 5 Dec, 2019

A essência das tradições portuguesas nas Feiras Novas

 

Não há quem não saiba que Setembro é o mês das Feiras Novas. É uma referência nacional que atrai, todos os anos, milhares de visitantes vindos de todo o país. Em Ponte de Lima, irradia a alegria e a espontaneidade do povo. Por toda a vila, as rusgas, as concertinas, os cantares ao desafio, o folclore e a gastronomia. Esta conjugação transforma estas festas num acontecimento singular, na romaria que é considerada o “maior congresso vivo da cultura em Portugal”.

O cortejo etnográfico é um dos pontos altos do certame. As freguesias do concelho de Ponte de Lima, saíram à rua, e fervilharam com a tradição. É uma mostra do que de mais genuíno existe no nosso país. Durante mais de três horas, milhares de pessoas puderam assistir ao desfile, num momento que se assume como a exaltação do orgulho limiano.

Empresário português ajudou na organização das Festas da Atouguia

 

O mês de Agosto terminou, mas as festas populares ainda continuam pelo mês de Setembro. É o caso de Atouguia, freguesia do concelho de Ourém, que assinalou o seu arraial nos dias 2 e 3 de Setembro.

As Festas da Atouguia foram celebradas em Honra do São Bartolomeu e ninguém quis faltar.

 

Mais e melhor judo para o distrito de Santarém

 

O judo é uma arte marcial japonesa que foi fundada por Jigoro Kano, em 1882. Com milhares de praticantes e federações espalhadas pelo mundo, tornou-se num dos desportos mais praticados da atualidade. Também Portugal, não foge à regra. Todos vangloriamos com as vitórias de Telma Monteira no tapete e, com isso, começamos a prestar mais atenção a este desporto. O judo está forte em Portugal, mas a modalidade tem ainda muito espaço para crescer.

Um exemplo de sucesso e desenvolvimento é a Associação de Judo do Distrito de Santarém. Nasceu em 1977, fruto da necessidade de constituir uma associação, para a promoção e acompanhamento da modalidade, a nível distrital. Hoje, fazem parte mais de 700 atletas e cerca de 40 treinadores. É sob o lema de querer mais e melhor judo para o distrito de Santarém, que o presidente da associação deixa um desafio.

Descubra Vila de Rei, o Centro Geodésico de Portugal

 

A Lusopress deslocou-se até ao distrito de Castelo Branco para descobrir os encantos e as potencialidades do concelho de Vila de Rei. São 193 km2, ocupados por cerca de 4000 habitantes, repartidos por 94 localidades que compõem as 3 freguesias: Vila de Rei, Fundada e São João do Peso. Ricardo Aires é o presidente do Município desde 2013 e tem centrado a sua atuação essencialmente nos sectores da educação, área social e actividade económica.

Se já experimentou dobrar simetricamente um mapa de Portugal Continental em quatro partes, com certeza encontrou no ponto de união das dobras o concelho de Vila de Rei. É aqui que se encontra o Centro Geodésico de Portugal. É o grande atractivo do concelho, que beneficia também da proximidade à Nacional 2, a maior estrada portuguesa que atravessa Vila de Rei.

Restaurante Camelo mantém viva tradição portuguesa

 

Camelo é um nome incontornável da gastronomia Minhota. É um dos restaurantes mais conceituados de Viana do Castelo, conhecido pelo ambiente familiar e pela confecção de iguarias regionais. António Camelo foi o fundador, e ainda hoje é o rosto de uma casa muito procurada no Norte do país. Aqui, todos os anos, é realizada uma ação que mantém viva uma tradição bem portuguesa. Falamos da preparação do porco à moda antiga para o tradicional sarrabulho, enchidos ou cozido à portuguesa. Cerca de 400 pessoas marcaram presença e não perderam a oportunidade de registar o momento. Muitos adultos reviveram a sua infância e as crianças mostraram-se curiosas ao longo de todo o processo.