06 Aug, 2020 Última Actualização 4:37 PM, 6 Aug, 2020

9ª Gala de Fados da Rádio Alfa regressa a Paris

 

Decorreu em Vallenton, a 9ª Gala de Fados da Rádio Alfa. Vários foram os portugueses e também franceses, que se dirigiram à Sala Vasco da Gama, nas instalações da emissora de rádio, para um serão de fados. A organização da gala ficou a cargo do programa radiofónico da estação “Só Fado”. Também Odete Fernandes é locutora do programa de rádio organizador e, foi a apresentadora da noite. Revelou-nos que é com grande orgulho seu, que a gala de fados já vai na nona edição. Para o director-geral da Rádio Alfa, esta gala de fados tem uma importância especial. Na sua opinião, este espetáculo anual funciona como uma mostra do talento português na capital francesa.

Foram seis os fadistas que atuaram nesta gala e, todos revelaram sentir-se emocionados com esta presença, especialmente por quase todos terem começado a ganhar mais notoriedade naquela mesma sala.

Os amantes de fado podem ficar descansados. O director-geral desta rádio portuguesa, em Paris, garantiu que a gala irá acontecer novamente no próximo ano. A gala de fados de Paris celebrará assim, em 2021, uma década de existência.

Brexit em Londres: visão dos empresários portugueses Casimiro Dias e Domingos Cabeças

 

Com a saída do Reino Unido da União Europeia, alguns são os receios dos portugueses ali residentes. Especialmente, para aqueles que são empresários no país, como é o caso de Casimiro Dias, proprietário da PortClean, em Londres. Na opinião de Domingos Cabeças ainda não se sentem grandes alterações. Domingues é proprietário da agência de recrutamento de emprego Neto, também em Londres, e refere que a única diferença sentida foi o aumento do preço dos bens alimentares.

Isabel Couto é brasileira e uma das cem pessoas que, por dia, visitam esta agência de emprego. O seu marido emigrou para o Reino Unido há três anos e desde dezembro que não recebe o seu salário, pois a empresa onde trabalhava é francesa e abandonou inesperadamente o Reino Unido.

As questões são muitas e as repostas ainda poucas, mas no site do Consulado Geral de Portugal em Londres existe uma página dedicada a este tópico. Aqui é possível ver informações actualizadas sobre o tema, ou ainda contactar o número telefónico de apoio aos portugueses.

Comunidade portuguesa despede-se do Cônsul Geral de Portugal em Paris

 

O Cônsul Geral de Portugal em Paris, António de Albuquerque Moniz, está a terminar o seu mandato na capital francesa. Neste seu findar de missão, vários foram os portugueses que lhe quiseram agradecer pelo trabalho prestado à comunidade, organizando-lhe um jantar de despedida. Distintivos como o apoio a todas as comunidades portuguesas em Paris, melhorias nos serviços consulares e uma grande empatia para com a população, foram aspetos defendidos pelos cem concidadãos e amigos presentes. Numa noite regada a boa disposição, houve ainda momento para uma atuação da fadista Tereza Carvalho.

Ao próprio cônsul, dentro em breve Embaixador de Portugal em Cabo Verde, vários são os pensamentos que lhe surgem neste momento da partida. Já tem saudades dos amigos que fez nas comunidades portuguesas em França, mas tem expectativas de vir desenvolver um cuidadoso trabalho neste novo desafio que o espera. António de Albuquerque Moniz encontra-se ainda em solo francês, mas são já vários os amigos que estão a ponderar organizar uma viagem conjunta para o ir visitar à terra de Cesária Évora.

 

Sónia Palas ganhou o gosto pelo sector imobiliário e criou a Solutions Foncières

 

Sónia Palas é natural de Mirandela, mas hoje é responsável por uma agência imobiliária na região parisiense. Filha de pais comerciantes, o negócio sempre fez parte da sua vida. A falta de oportunidades de trabalho em Portugal levou-a a procurar a solução da emigração. França, para si, tornou-se o destino de eleição. Em França, depois de algum tempo a trabalhar no aeroporto, resolveu fazer um BTS ligado ao sector imobiliário. O gosto e curiosidade por este mercado tem influência do marido, agente imobiliário há 20 anos. Terminada a formação, a integração no mercado de trabalho foi imediata. A sua ambição levou-a a outro patamar, criando a sua própria agência: a Solutions Foncières. Estão já traçados os planos de crescimento. Ainda numa fase embrionária, a agência de Sónia Palas dá os primeiros passos, mas de forma já consistente. Num futuro próximo, Sónia Palas não descarta a realização de negócios imobiliários em Portugal. Chegar ao contacto para eventuais negócios, é muito simples, basta aceder a www.solutions-foncieres.fr.

Embaixada de Cabo Verde promove certame “luso-francófono” no 17º bairro de Paris

 

Foi na Mairie do 17º bairro de Paris, que se deu um encontro entre a lusofonia e a francofonia, promovido pela Embaixada de Cabo Verde em França. Nesta festa cultural, intitulada “Français et Lusophone”, estiveram presentes representantes de alguns dos países lusófonos, entre eles Angola, Brasil, Guiné-Bissau, Portugal e São Tomé e Príncipe. Todos os representantes dos países lusófonos sentiram-se bastante satisfeitos com a organização deste evento, pois afirmaram que quando o tema é a lusofonia, nem todos os países lusófonos têm a mesma representatividade e enfoque.

Não só a língua de Camões foi enumerada como um ponto de contacto entre todos os países. Também parte da riqueza cultural e as formas de relacionamento e inserção noutras cultura, foram referidos como características partilhadas por todos povos lusófonos. O evento contou também com um mesa redonda, moderada por Phillipe David, onde os convidados, Phillipe Baden Powell e Mariana Ramos, discutiram aspectos culturais lusófonos como a poesia, a música, os afetos e a literatura.

O presidente da câmara do 17º bairro frisou ainda a importância deste acontecimento, para “reforçar os laços fortes” entre as comunidades lusófonas e as francófonas do próprio bairro. Houve ainda oportunidade para a produção ao vivo de um graffiti do artista Le H alusiva ao tema.