09 Dec, 2019 Última Actualização 9:23 AM, 9 Dec, 2019

Presidente Marcelo Rebelo de Sousa em visita de Estado a Itália

 

O Presidente da República Portuguesa, Marcelo Rebelo de Sousa, esteve em Itália para uma visita de Estado de três dias, divididos entre Roma e Bolonha.O primeiro dia do programa começou na Rua dos Portugueses, na capital italiana, com uma visita à inauguração da exposição de fotografia “Papas peregrinos de Fátima, de Rui Ochoa no Instituto Português de Santo António.No final do dia o Presidente português participou numa recepção à comunidade portuguesa, na residência do embaixador de Portugal em Roma. Estiveram presentes cerca de três centenas de convidados onde, de acordo com uma  estimativa consular, residem em Itália cerca de 7 mil portugueses, na sua grande maioria estudantes. Para alguns dos portugueses que estiveram na recepção, a presença do Presidente tem uma importância muito significativa para a comunidade portuguesa em Itália.No segundo dia da visita, Marcelo Rebelo de Sousa foi recebido oficialmente pelo Presidente Italiano, Sergio Mattarella, no Palácio do Quirinal em Roma. O Presidente português foi recebido com honras militares, seguindo-se um encontro restrito entre os dois chefes de estados. No final do encontro os dois presidentes prestaram declarações em conjunto à comunicação social.Marcelo Rebelo de Sousa salientou a importância das relações humanas, culturais, científicas e académicas.Depois de se reunir com a presidente do Senado Italiano, Maria Elisabetta Alberti Casallati, Marcelo teve um encontro seguido de almoço com o Primeiro-Ministro na sede do Governo italiano. Um dos temas em discussão foi a ligação Europa-África.No terceiro dia, pela manhã, Marcelo Rebelo de Sousa prestou homenagem ao soldado desconhecido no Altare della Pátria.No final da manhã, o Presidente português deslocou-se para a estação de caminhos de ferro de Roma, onde viajou de comboio para cidade de Bolonha. Aqui, realizou-se a cerimónia de entrega da medalha ”Sigillum Magnum” a Marcelo Rebelo de Sousa, atribuída pela Universidade de Bolonha a personalidades desde 1888. A cerimónia contou com a presença do presidente italiano, assim como de vários alunos portugueses e professores que destacaram a importância da língua portuguesa.Após a cerimónia, na Universidade de Bolonha, os dois presidentes  deslocaram-se até a Caserma Manara para as despedidas oficiais. Marcelo Rebelo foi a pé pelas ruas de Bolonha até à câmara municipal da cidade onde assinou o Livro de Honra. Durante o trajecto, o Presidente português falou com várias pessoas e deixou uma mensagem aos portugueses que residem em Itália.A 16ª visita de Estado e a 4ª deslocação a Itália como chefe de Estado, terminou com um encontro com estudantes universitários na Palazzo D´Accursio. Aqui, Marcelo Rebelo de Sousa discursou sobre o papel da educação para a revolução das civilizações.