PORTUGAL
01 Aug, 2021 Última Actualização 5:09 PM, 29 Jul, 2021

Leiria 2020: Município de Leiria apresentou plano para o concelho

 

O ano ainda agora começou, mas já existe muito trabalho programado para esta década que se inicia. Pelo menos, assim o garante Gonçalo Lopes, presidente da câmara municipal de Leiria, na apresentação do Planeamento de Leiria 2020-2030. Este evento convocou todos os habitantes da cidade para assistirem à divulgação de uma série de medidas de melhoramento que a autarquia pretende tomar. A proximidade à capital portuguesa é um dos pontos que o Gonçalo Lopes considera ser chave, neste impulso da cidade durante os próximos anos. O presidente tem ainda um pensamento constante nas camadas mais jovens da população de Leiria, ao mesmo tempo que reconhece a importância de todos os emigrantes portugueses espalhados pelo mundo, e que serão chamados a fazer parte desta mudança, apostando os seus investimentos na região.

E se este evento decorreu, deve-se em grande parte à preocupação e interesse de Carlos Matos, cidadão de Leiria e empresário em França. Mesmo tendo estado cerca de 40 anos fora do país, Carlos não esquece as suas origens e realça a necessidade de divulgações como esta por parte das autarquias, para o conhecimento dos fins dados aos dividendos públicos. Finda a comunicação deste ano, o presidente da autarquia de Leiria deixou desde logo a promessa de uma repetição do evento para janeiro de 2021.

Docapesca assinalou 59 anos de história e destacou desempenho positivo

 

A Docapesca comemorou 59 anos de existência, com excelentes objectivos alcançados. Entre outros, destaque para o recorde de 212 milhões de euros de valor de vendas em lota. Com os seus quase 60 anos de actividade, a Docapesca - Portos e Lotas SA tem desempenhado um papel essencial no sector das pescas e do mar e em toda a sociedade portuguesa, através da excelência do serviço público prestado no âmbito da primeira venda de pescado e actividades conexas. Um serviço fundamental para toda a fileira do pescado, tendo também, mais recentemente, atribuições na náutica de recreio, nas suas diferentes vertentes. A Docapesca tem uma presença indelével na história do sector das pescas, trabalhando permanentemente na sua modernização, pelo que tem apostado na melhoria da sua performance económico-financeira e na qualificação do seu capital humano, com o objectivo de servir mais e melhor o sector das pescas em Portugal, hoje e no futuro. A Gare Marítima de Alcântara acolheu a comemoração do 59º aniversário da Docapesca, reunindo o conselho de administração, funcionários, parceiros e clientes, num dia de especial importância para a empresa. A sessão contou ainda com a presença do Ministro do Mar Ricardo Serrão Santos, e do Secretário de Estado das Pescas José Apolinário.

Prodígio da natação precisa de apoios para sonhar com os Jogos Olímpicos

 

Catarina Mestre tem 18 anos, é nadadora de alta competição e representa, actualmente, o Clube de Natação de Lisboa. A paixão e a dedicação pela natação levam-na a alcançar resultados invejáveis. Nadadora especialista em costas, é campeã nacional de piscina curta de 50m costas e recordista regional sénior. É a primeira e única mulher a vencer a Travessia da Baía de Sesimbra, em 93 anos. É também vencedora de várias travessias na disciplina de águas abertas: SwimChallenge Cascais, Travessia de Mora, Travessia Barragem dos Minutos e Travessia Bessone Bastos. Sonha poder alcançar os Jogos Olímpicos de Tóquio e Paris, mas precisa de apoios que facilitem o seu trabalho diário.

Em Pinela o barro está na essência da gente e daqui saem as tradicionais Cantarinhas

 

Pinela é a terra das Cantareiras. A olaria foi, em tempos, uma das actividades principais de extrema importância social e económica. Hoje, o barro já não é fonte de rendimento para a aldeia mas a sua importância não é menor. Faz parte da cultura e da história deste lugar. Julieta Rodrigues, artesã, não sendo uma cantareira tradicional, aprendeu a arte e continua a ir à origem à procura da matéria-prima para a sua louça. A artesã trabalha no atelier, hoje com instrumentos mais modernos que ajudam no processo produtivo mas que não fazem de ninguém um artista. O bem fazer vem do conhecimento, mas também da sensibilidade e dedicação que se coloca em cada peça. É das mãos da única artesã que trabalha o barro em Pinela, que saem as famosas cantarinhas, que dão o nome à mais importante feira anual do concelho de Bragança. Reza a tradição que no dia 3 de Maio, se deve oferecer uma cantarinha a quem se quer bem. Manter a tradição viva é um dos sonhos de Julieta Rodrigues, mas a tarefa é complicada. Para manter a história viva, desde 2015 que se ergueu o Centro Interpretativo da Cerâmica de Pinela. Aqui, Pinela mostra, preserva, valoriza e promove boa parte da sua história. É possível compreender como a cerâmica faz parte da essência da gente de Pinela, como a tradição das cantareiras ficou escrita na louça de barro.

À descoberta de Portugal: viva, invista e visite a cidade de Leiria

 

Leiria é uma cidade cada vez mais atractiva para viver, investir e visitar. Com uma forte ligação entre a natureza e a cidade, Leiria é, hoje, um centro cultural virado para todas as idades e para todos os gostos. Os leirienses sentem de alma e coração a sua terra, e fazem da hospitalidade um dos seus ex-libris. A gestão diária do Município está agora a cargo de Gonçalo Lopes. O novo presidente do concelho, em entrevista à Lusopress, destacou as potencialidades de Leiria, não esquecendo o papel crucial da diáspora portuguesa no desenvolvimento do território.

Newsletter

Subscreva a Newsletter para receber conteúdos semanais sobre Portugal e toda a comunidade Portuguesa!

 

Veja também...

Recorde a última entrevista de Otelo Saraiva de Carvalho à Lusopress

 

Otelo Saraiva de Carvalho, militar e estratego do 25 de Abril de 1974, morreu hoje de madrugada aos 84 anos, no hospital militar, disse à Lusa Vasco Lourenço, presidente da Associação 25 de Abril.

Ler notícia

Vai uma fogaça?

 

Das muralhas do Castelo de Santa Maria da Feira para a cidade existe um pacto vitalício: todos os feirenses terão que comer um pão doce para curar doenças.

Ler notícia

Conheça Bragança: uma experiência única e cheia de lugares ímpares

 

Falar de Bragança seria uma conversa interminável, começou por dizer Hernâni Dias, presidente da câmara municipal desde 2013. Apaixonado pela sua cidade, foi também de forma apaixonada que nos falou das principais características brigantinas.

Ler notícia