PORTUGAL
01 Aug, 2021 Última Actualização 5:09 PM, 29 Jul, 2021

Rui Gomes Pedro: "Vai-se começar a valorizar o que é local, e a ter uma necessidade de natureza"

 

Rui Gomes Pedro divide o seu tempo entre França e Portugal e entre a execução de projectos de gestão e a docência. Tem um currículo invejável no que diz respeito à sua formação académica e aos projectos desenvolvidos até ao momento. Está agora a desenvolver o projecto Monsanto Verde, implementado através de um modelo de gestão e desenvolvimento sustentável. Com a pandemia da Covid-19 está em confinamento social na sua casa de campo, na Guia.

 

Teresa Coelho: "A Docapesca continua a trabalhar, o setor das pescas tem de manter a sua atividade"

 

Teresa Coelho é nazarena, nasceu e cresceu apreciando as ondas da Nazaré, frequenta a lota "desde pequenina" e durante o seu percurso profissional esteve sempre ligada ao mar, somando um currículo extenso nesta área. Hoje, é a presidente do conselho de administração da Docapesca, empresa que continua em atividade perante a pandemia de Covid-19. A Docapesca é uma empresa do sector empresarial do Estado português. Gere todos os portos de pesca em Portugal continental, que integram 22 lotas e 37 postos de apoio à primeira venda de pescado. Na sua área de jurisdição, enquanto autoridade portuária, encontram-se também 14 marinas e portos de recreio e 29 estaleiros de reparação e construção naval.

 

Na Maia, Fernando Sá produz viseiras em casa é a prova que todos podem ajudar

 

Fernando Sá é reformado, mas nem isso o impede de poder ajudar na crise que todos enfrentamos pela pandemia da Covid-19. Perante a falta de material de proteção para os profissionais de saúde e de segurança, Fernando começou a produzir viseiras em casa. Beneficiando de ter uma impressora 3D em casa, e com a ajuda da filha designer, dedica agora o seu tempo a produzir viseiras de forma gratuita. 

 

Domingos Silva: "Os negócios estão parados, temos imensa mercadoria para entregar"

 

Domingos Silva, homem de honra e carácter, sempre considerou que o sucesso é uma questão de personalidade, em que uma pessoa lutadora e honesta triunfa em qualquer parte do mundo desde que esse seja o seu objectivo. É com este lema que também acredita na superação da pandemia de Covid-19, com a preciosa ajuda dos profissionais de saúde. Instalado em Viana do Castelo, actua no sector imobiliário e decoração desde 1974. Hoje, os negócios estão parados, tendo imensa mercadoria por entregar e muitas casas por mobilar.

 

Município de Trancoso inaugurou nova Área de Acolhimento Empresarial

 

O Município de Trancoso inaugurou uma nova Área de Acolhimento Empresarial. O espaço está dotado de todas as infra-estruturas necessárias para a instalação de empresas de variados ramos de negócio. São 15 lotes, com áreas de construção compreendidas entre os 1300 e 3000 metros disponibilizados, agora, pelo preço de 2€/metro quadrado. A nova zona industrial fica no lugar do Crujeiro, junto à estrada municipal que liga Trancoso a Fiães, e ocupa 4 hectares e meio de terreno. O projecto resulta de um investimento de 845 mil euros, comparticipados em 710 mil euros pelo Programa Operacional Regional do Centro 2020. A Área de Acolhimento Empresarial está totalmente coberta com fibra óptica de última geração, num investimento da Altice Portugal. A inauguração contou com a presença da Ministra da Coesão Territorial que destacou o projecto como um exemplo no combate ao despovoamento. 

Newsletter

Subscreva a Newsletter para receber conteúdos semanais sobre Portugal e toda a comunidade Portuguesa!

 

Veja também...

Recorde a última entrevista de Otelo Saraiva de Carvalho à Lusopress

 

Otelo Saraiva de Carvalho, militar e estratego do 25 de Abril de 1974, morreu hoje de madrugada aos 84 anos, no hospital militar, disse à Lusa Vasco Lourenço, presidente da Associação 25 de Abril.

Ler notícia

Vai uma fogaça?

 

Das muralhas do Castelo de Santa Maria da Feira para a cidade existe um pacto vitalício: todos os feirenses terão que comer um pão doce para curar doenças.

Ler notícia

Conheça Bragança: uma experiência única e cheia de lugares ímpares

 

Falar de Bragança seria uma conversa interminável, começou por dizer Hernâni Dias, presidente da câmara municipal desde 2013. Apaixonado pela sua cidade, foi também de forma apaixonada que nos falou das principais características brigantinas.

Ler notícia