"Dovrum Experience" à boleia do chef Manuel Almeida, um cozinheiro do Mundo
09 Aug, 2022 Última Actualização 11:55 AM, 8 Aug, 2022

"Dovrum Experience" à boleia do chef Manuel Almeida, um cozinheiro do Mundo

 

Foi pelas margens do rio Douro, na calçada da cidade de Gaia, que a Lusopress foi degustar algumas especialidades do chef Manuel Almeida. E há petiscos para todos os gostos. Só no Mercado da Beira-Rio são três os espaços assinados por si. Define-se como “cozinheiro do Mundo”. Cada nova aventura de Manuel Almeida tem sempre como fio condutor a gastronomia de proximidade. Mais do que conhecer o talento para a cozinha, descobriu-se um homem empreendedor, que nunca se cansa de criar novos projectos. Neste momento, são cinco os espaços abertos ao público, com dois pontos em comum: a qualidade dos produtos e a paixão pelo Douro. Um novo espaço, um novo projecto, também em Gaia, seguindo a mesma temática do Douro, o Dourum Experience, um wine bar e loja com oferta de vinhos e produtos da região.

Manuel Almeida é o verdadeiro homem dos sete ofícios. A par dos projectos pessoais presta também serviços de consultoria, onde colabora há cerca de dois anos com a empresa Canelas, em Paris, na organização de eventos. Tem cerca de três décadas de experiência na gastronomia, e a sua formação teve início na Escola de Hotelaria e Turismo do Porto. Paixão é o que chama à sua vocação para a cozinha. Com a arte de saber conciliar todos os seus projectos e ocupações, Manuel Almeida nunca que diz que um projecto será o último.

Newsletter

Subscreva a Newsletter para receber conteúdos semanais sobre Portugal e toda a comunidade Portuguesa!

 

Veja também...

Museu Carmen Miranda, no Marco de Canaveses, reabriu com a exposição temporária "Antestreia"

 

O Museu Carmen Miranda, no Marco de Canaveses, reabriu com uma exposição temporária intitulada “Antestreia”, dedicada à artista e com a curadoria de António Ponte. O Museu Carmen Miranda encontrava-se encerrado para obras de requalificação e ampliação.

Ler notícia

Quinta de Santoinho celebrou os 50 anos de existência com grande festa para o público

 

Festa e arraial minhoto: é assim há 50 anos. A Quinta do Santoinho está de portas abertas desde 1972. O Santoinho nasceu pelas mãos de António Cunha, empreendedor no setor do turismo e transportes, ao sentir a necessidade de englobar num só espaço as vivências e a cultura do Minho.

Ler notícia

Arte para todos os gostos: as opções da Feira Nacional de Artesanato, em Vila do Conde

 

Os jardins da Avenida Júlio Graça, em Vila do Conde, voltaram a encher-se de artesanato. É aqui que decorre a 44ª edição da Feira Nacional de Artesanato. Das rendas de bilros, a feira foi abrindo portas a outros artesãos. Hoje, são cerca de 200 expositores, com artesãos de todo o país, que mostram o que de melhor fazem, com diferentes matérias-primas.

Ler notícia