Desde 1942, a Comur é umas das maiores bandeiras da indústria conserveira portuguesa
19 Sep, 2021 Última Actualização 8:51 AM, 17 Sep, 2021

Desde 1942, a Comur é umas das maiores bandeiras da indústria conserveira portuguesa

 

Fundada em 1942, na Murtosa, a Comur é hoje uma das maiores bandeiras da indústria conserveira portuguesa. Inicialmente dedicada à exportação de enguias para levar ao mundo o sabor típico das feiras locais da Ria de Aveiro, a Comur produz hoje cerca de trinta variedades de conservas.

As enguias da Comur continuam a ser consideradas uma das iguarias mais especiais que Portugal tem para revelar ao mundo. Mas a Comur não é apenas enguias e apresenta-se ao mundo de uma forma original que vale a pena conhecer. As conservas são minuciosamente trabalhadas pelas experientes e sábias mãos das mais de cem mulheres, que transformam os sabores do mar em deliciosas iguarias, através de métodos de produção artesanais.

As 35 lojas da Comur em todo o país, nas quais se integram também as lojas d’O Mundo Fantástico da Sardinha Portuguesa e a Fábrica das Enguias, são o auge de uma história. História agora recontada em cada conceito e em cada conserva, de forma original. As lojas Comur e Mundo Fantástico da Sardinha Portuguesa são um universo que funde, no mesmo espaço, tradição e modernidade. Em todas elas há um denominador comum: a partilha de saberes e de sabores verdadeiramente portugueses que viajam em cada lata para os quatro cantos do mundo.

Ao longo da sua história, a originalidade e a diferenciação fizeram sempre parte do seu ADN. Em cada uma das lojas em Lisboa, Porto, Braga, Cascais e Sintra, 140 gramas de puro sabor a Portugal exibem-se em latas de conservas, revisitando o último século da história de Portugal e do mundo, numa simultânea homenagem à indústria conserveira portuguesa.

Newsletter

Subscreva a Newsletter para receber conteúdos semanais sobre Portugal e toda a comunidade Portuguesa!

 

Veja também...

À conversa com João Pinharanda, ex-conselheiro cultural da Embaixada de Portugal em França

 

João Pinharanda nasceu em Moçambique, mas foi em Portugal que se formou em História e, enveredou pela História da Arte. Trabalhou como jornalista e especialista em arte em algumas publicações nacionais e foi peça crucial na fundação do Museu de Arte Contemporânea de Elvas.

Ler notícia

Maison & Objet 2021 regressou e teve assinatura portuguesa

 

O setor da moda e da casa ganharam novo ânimo no mês de Setembro. A Feira Internacional Maison & Objet esteve de volta e os profissionais do universo decorativo viram as atenções para o evento mais importante do ano. São vários os salões que acolheram a iniciativa, locais onde não faltam detalhes decorativos para ajudá-lo a ter novas ideias.

Ler notícia

Eleições Autárquicas 2021 com Marques Mendes

 

 A 1 de Outubro de 2017, as eleições autárquicas ficavam a conhecer o seu veredito final. Em disputa estavam 308 presidentes de câmaras municipais, respetivos vereadores e assembleias municipais. O resultado foi expressivo. o PS alcançou 37,82% dos votos. Uma vitória gorda que deixou à fome o seu oponente direto, o PSD, que não foi além dos 16,07 %. 

Ler notícia

 

Estúdio e Redação

  • 19 Avenue James de Rothschild 77164 Ferrieres-en-Brie França
  • 0033 6 18 44 74 55
 

Siga-nos

                  

Subscreva a nossa Newsletter