Em Viana do Castelo, restaurante Camelo é porta aberta para a boa gastronomia tradicional portuguesa
19 Sep, 2021 Última Actualização 8:51 AM, 17 Sep, 2021

Em Viana do Castelo, restaurante Camelo é porta aberta para a boa gastronomia tradicional portuguesa

 

Numa casa avarandada com alvenarias e ferros forjados e uma escadaria com trepadeiras, entra-se no Restaurante Camelo, em Portuzelo, a cinco quilómetros de Viana do Castelo. O nome, esse, vem do seu fundador: António Camelo. Foi emigrante em Versailles, durante um curto período de tempo, mas ainda a tempo de deixar o seu nome escrito na história da gastronomia minhota.

Este edifício situado em Santa Marta de Portuzelo é também residência da família Camelo cujos últimos abencerragens andaram pelos caminhos de Santiago de “armas velhas” com três vieiras e uma cabeça e pescoço de camelo na sua cor, e “armas novas” a partir de 1576, dadas por D. Sebastião, com ribeira ondulada de prata, dois braços de mãos dadas, flor de lis e um abraço em pala elevando uma estrela de ouro.

Depois de um curto período em França, os camelos actuais não se deram pelo estranja e regressaram a Santa Marta. António Camelo dava assim início a um projeto que se tornou uma referência a nível nacional. Não há quem não conheça o restaurante Camelo, local por onde já passaram míticas personalidades portuguesas.

Em mais de 30 anos fizeram obra: 150 lugares na sala principal, 200 lugares na sala Jorge Amado e 400 lugares ao ar livre na eira e anexos agora mais aprazíveis com uma latada de vinho loureiro e 300 lugares no salão de festas, todos na casa mãe do Restaurante Camelo. Ficou agora ainda mais enriquecido com a colocação de uma tenda oriental que faz as delicias dos noivos para as bodas de casamento e com capacidade para 1000 pessoas.

No que aos pratos diz respeito, no Camelo reina a cozinha tradicional portuguesa. Dia de festa no segundo Domingo de cada mês com romeiros fieis e devotos do cozido à camelo. O Camelo é também ponto de referência para os emigrantes portugueses. Para além da boa comida, aqui é possível matar saudades das tradições portuguesas. Não perca a oportunidade, e visite o restaurante Camelo.

Newsletter

Subscreva a Newsletter para receber conteúdos semanais sobre Portugal e toda a comunidade Portuguesa!

 

Veja também...

À conversa com João Pinharanda, ex-conselheiro cultural da Embaixada de Portugal em França

 

João Pinharanda nasceu em Moçambique, mas foi em Portugal que se formou em História e, enveredou pela História da Arte. Trabalhou como jornalista e especialista em arte em algumas publicações nacionais e foi peça crucial na fundação do Museu de Arte Contemporânea de Elvas.

Ler notícia

Maison & Objet 2021 regressou e teve assinatura portuguesa

 

O setor da moda e da casa ganharam novo ânimo no mês de Setembro. A Feira Internacional Maison & Objet esteve de volta e os profissionais do universo decorativo viram as atenções para o evento mais importante do ano. São vários os salões que acolheram a iniciativa, locais onde não faltam detalhes decorativos para ajudá-lo a ter novas ideias.

Ler notícia

Eleições Autárquicas 2021 com Marques Mendes

 

 A 1 de Outubro de 2017, as eleições autárquicas ficavam a conhecer o seu veredito final. Em disputa estavam 308 presidentes de câmaras municipais, respetivos vereadores e assembleias municipais. O resultado foi expressivo. o PS alcançou 37,82% dos votos. Uma vitória gorda que deixou à fome o seu oponente direto, o PSD, que não foi além dos 16,07 %. 

Ler notícia

 

Estúdio e Redação

  • 19 Avenue James de Rothschild 77164 Ferrieres-en-Brie França
  • 0033 6 18 44 74 55
 

Siga-nos

                  

Subscreva a nossa Newsletter