Torres Novas: dos frutos secos a cidade segura que se distingue pela forma de estar e receber
18 Apr, 2021 Última Actualização 3:23 PM, 16 Apr, 2021

Torres Novas: dos frutos secos a cidade segura que se distingue pela forma de estar e receber

 

Tão perto do Norte, tão perto do Sul, eis a “porta do norte” de Lisboa e o “Km 0” para a Europa. Enquadrada em belezas naturais, rica em património histórico e tão recuada no tempo que nos leva ao “homem de Neandertal” através das grutas do Almonda.

Torres Novas surpreende pela diferença que sempre defende e que tanta a orgulha: pela sua história, pela sua cultura, pelas suas feiras e eventos, pela sua gastronomia, pelo panorama cultural e artístico mas, acima de tudo, pela sua forma de estar e receber. A Lusopress foi conhecer um pouco melhor esta cidade portuguesa, que começa por assumir como sendo segura. Não é à toa que aqui se localiza a Escola Prática de Polícia.

A evolução económica do concelho de Torres Novas está intimamente relacionada com a história da indústria, actividade cuja importância se faz perdurar até à atualidade. No que ao setor empresarial e socioeconómico diz respeito, há um dado que deixa o presidente do Município orgulhoso: a baixa taxa de desemprego.

Torres Novas assume-se, atualmente, como um determinante centro polarizador da região de Santarém. Moderno, dinâmico e inovador, líder enquanto pólo de cultura urbana e com um evidente potencial turístico, o concelho torrejano revela uma visão promissora para o futuro. Torres Novas é, também, a Capital Nacional dos Frutos Secos.

A identidade e a tradição torrejanas evidenciam-se também no âmbito gastronómico, sendo este património entendido como elemento relevante para o turismo de Torres Novas. Fica, no final, a mensagem de que só todos juntos, é que é possível continuar a fazer de Torres Novas uma cidade em desenvolvimento contínuo.

Newsletter

Subscreva a Newsletter para receber conteúdos semanais sobre Portugal e toda a comunidade Portuguesa!

 

Veja também...

Município de Faro evolui com novos investimentos

 

Faro é uma cidade milenar, à beira do mar e da natureza, a (re)descobrir. Se quer viver experiências inesquecíveis num cenário único e rico em património histórico e natural, Faro é o destino ideal. Os costumes das suas gentes, a gastronomia local, os eventos culturais, a diversão noturna, a Ria Formosa e as suas praias fazem parte dos muitos encantos que a Capital do Algarve tem para lhe oferecer.

Ler notícia

Valongouro tem novo investimento e está na vanguarda tecnológica

 

Sediada em Valongo, a Valongouro tem levado o seu nome, cada vez mais, além-fronteiras. Foi criada em 1999, e ao longo destes 22 anos de existência no mercado viveu muitas transformações no sector da ourivesaria. Foram essas transformações que permitiram à Valongouro evoluir e adaptar-se às exigências do mercado.

Ler notícia

Especialista em leilões, a Avalibérica rege-se por rigor, isenção e profissionalismo

 

A história da Avalibérica começa a escrever-se em 1998, mas a sua experiência é mais antiga. Tudo começou quando Adelino Gonçalves saiu da tropa e respondeu a um anúncio para ser recuperador de crédito. Por força dos contactos estabelecidos no mercado, começou a perceber que havia negócio possível dento das vendas dos ativos que o tribunal recuperava. Não teve medo de arriscar e, passo a passo, foi trilhando o caminho da Avalibérica.

Ler notícia

Carlos Gonçalves em entrevista: "Portugal deve contar com as comunidades portuguesas"

 

Carlos Gonçalves, deputado do PSD eleito pelo Círculo da Europa é um dos rostos mais conhecidos e próximo das comunidades portuguesas. Numa grande entrevista à Lusopress, o deputado social democrata analisou as implicações da pandemia de Covid-19 no seu trabalho diário.

Ler notícia

Conheça o museu dedicado à vida e obra de Rafael Bordalo Pinheiro, genial artista português

 

Rafael Bordalo Pinheiro é uma figura marcante da cultura portuguesa da segunda metade do século XIX. Há muito quem ache que é o mais genial artista português de todos os tempos. Virtuoso desenhador, caricaturista, ceramista, colocou o seu imenso talento plástico ao serviço das suas convicções cívicas e políticas e as suas criações satíricas servem-nos hoje como serviram há 150 anos. A Lusopress veio conhecer um pouco da vida e obra deste artista português no Museu Bordalo Pinheiro, em Lisboa.

Ler notícia