Especial região do Minho: Quim Barreiros está há 50 anos a levar alegria ao povo português
18 Apr, 2021 Última Actualização 3:23 PM, 16 Apr, 2021

Especial região do Minho: Quim Barreiros está há 50 anos a levar alegria ao povo português

 

Seja “A Garagem da Vizinha”, “A Cabritinha” ou “Bacalhau à Portuguesa”, todos os portugueses sabem trautear alguma música do conhecido cantor popular Quim Barreiros. Nascido e criado em Vila Praia de Âncora, Quim Barreiros está a celebrar meio século de careira. Foi em 1971, há 50 anos, que editou a primeira música gravada.

A música entrou muito cedo na vida de Quim Barreiros. Inspirado pelo pai, apaixonou-se pela sonoridade dos instrumentos que o pai tocava, e quis aprender o mesmo. Quim Barreiros conquistou o seu lugar, de forma natural, na música popular portuguesa. Começou pela Banda da Força Aérea e passou por casas de Fado em Lisboa até começar a construir uma carreira cheia de sucessos. Foi de forma natural que Quim Barreiros se foi dedicando ao estilo popular. Ao longo dos anos foi desenvolvendo o seu gosto e a sua apetência para a escrita de muitos temas próprios, com lugar um teor brejeiro, picante, de letras com duplo-sentido, que fazem parte fundamental da sua escrita de canções.

E é já armado com um enorme acervo de temas folclóricos, canções populares e composições próprias que Quim Barreiros se atira, a partir de 1976, a uma nova aventura: a conquista do circuito de festas dos emigrantes portugueses. E, se bem que muitas vezes desprezado pela crítica musical instituída e malvisto por algumas elites culturais, Quim Barreiros é – desde meados dos anos 80 – o artista favorito de muitas associações académicas que, ano após ano, o solicitam para abrilhantar as suas Queima das Fitas e Semanas académicas. Com uma carreira de sucessos imparáveis, que fazem dele ainda hoje uma presença super requisitada em inúmeros locais do país e do estrangeiro, Quim Barreiros é capaz de ser também o cantor nacional que mais clones deixou na música portuguesa. Está há 50 anos, a levar alegria ao povo português.

Newsletter

Subscreva a Newsletter para receber conteúdos semanais sobre Portugal e toda a comunidade Portuguesa!

 

Veja também...

Município de Faro evolui com novos investimentos

 

Faro é uma cidade milenar, à beira do mar e da natureza, a (re)descobrir. Se quer viver experiências inesquecíveis num cenário único e rico em património histórico e natural, Faro é o destino ideal. Os costumes das suas gentes, a gastronomia local, os eventos culturais, a diversão noturna, a Ria Formosa e as suas praias fazem parte dos muitos encantos que a Capital do Algarve tem para lhe oferecer.

Ler notícia

Valongouro tem novo investimento e está na vanguarda tecnológica

 

Sediada em Valongo, a Valongouro tem levado o seu nome, cada vez mais, além-fronteiras. Foi criada em 1999, e ao longo destes 22 anos de existência no mercado viveu muitas transformações no sector da ourivesaria. Foram essas transformações que permitiram à Valongouro evoluir e adaptar-se às exigências do mercado.

Ler notícia

Especialista em leilões, a Avalibérica rege-se por rigor, isenção e profissionalismo

 

A história da Avalibérica começa a escrever-se em 1998, mas a sua experiência é mais antiga. Tudo começou quando Adelino Gonçalves saiu da tropa e respondeu a um anúncio para ser recuperador de crédito. Por força dos contactos estabelecidos no mercado, começou a perceber que havia negócio possível dento das vendas dos ativos que o tribunal recuperava. Não teve medo de arriscar e, passo a passo, foi trilhando o caminho da Avalibérica.

Ler notícia

Carlos Gonçalves em entrevista: "Portugal deve contar com as comunidades portuguesas"

 

Carlos Gonçalves, deputado do PSD eleito pelo Círculo da Europa é um dos rostos mais conhecidos e próximo das comunidades portuguesas. Numa grande entrevista à Lusopress, o deputado social democrata analisou as implicações da pandemia de Covid-19 no seu trabalho diário.

Ler notícia

Conheça o museu dedicado à vida e obra de Rafael Bordalo Pinheiro, genial artista português

 

Rafael Bordalo Pinheiro é uma figura marcante da cultura portuguesa da segunda metade do século XIX. Há muito quem ache que é o mais genial artista português de todos os tempos. Virtuoso desenhador, caricaturista, ceramista, colocou o seu imenso talento plástico ao serviço das suas convicções cívicas e políticas e as suas criações satíricas servem-nos hoje como serviram há 150 anos. A Lusopress veio conhecer um pouco da vida e obra deste artista português no Museu Bordalo Pinheiro, em Lisboa.

Ler notícia