“As memórias da minha terra”: um olhar sobre Vale de Cambra pela voz de Arlindo dos Santos
01 Aug, 2021 Última Actualização 5:09 PM, 29 Jul, 2021

“As memórias da minha terra”: um olhar sobre Vale de Cambra pela voz de Arlindo dos Santos

 

É sobre o lema “unindo os Portugueses” e mostrando o que Portugal tem de melhor, que a Lusopress irá lançar um novo projeto: o Lusopress Book. A 1ª edição do livro irá ser lançada em 2021. Trata-se de um guia de qualidade de alguns municípios portugueses, com uma panorâmica geral de cada região. O objetivo é divulgar as características do património natural e arquitetónico, contando a história de cada destino, sejam cidades, vilas ou aldeias. 

O Lusopress Book, além de mostrar as caraterísticas únicas e imperdíveis de cada lugar, transmite também os testemunhos de portugueses oriundos dessas regiões. É uma viagem às memórias, destacadas ao longo do livro.Uma das regiões em destaque é o concelho de Vale de Cambra, e o testemunho a ele associado é de Arlindo dos Santos. É da aldeia de Cepelos, em Vale de Cambra, mas há 41 anos que saiu da sua terra natal para França, onde se tornou empresário.

Hoje é o presidente do Grupo DSA e, em entrevista à Lusopress, recordou as suas memórias de infância e como era o modo de vida em Vale de Cambra. Como é, como se desenvolveu ao longos dos anos, e o que tem ainda a melhorar. É pelos seus olhos que traçamos um retrato de Vale de Cambra. As memórias são muitas, e são ainda mais as saudades que sente, esbatidas com a relação que vai mantendo com a sua terra. As palavras finais foram dirigidas a todos os valecambrenses.

Newsletter

Subscreva a Newsletter para receber conteúdos semanais sobre Portugal e toda a comunidade Portuguesa!

 

Veja também...

Recorde a última entrevista de Otelo Saraiva de Carvalho à Lusopress

 

Otelo Saraiva de Carvalho, militar e estratego do 25 de Abril de 1974, morreu hoje de madrugada aos 84 anos, no hospital militar, disse à Lusa Vasco Lourenço, presidente da Associação 25 de Abril.

Ler notícia

Vai uma fogaça?

 

Das muralhas do Castelo de Santa Maria da Feira para a cidade existe um pacto vitalício: todos os feirenses terão que comer um pão doce para curar doenças.

Ler notícia

Conheça Bragança: uma experiência única e cheia de lugares ímpares

 

Falar de Bragança seria uma conversa interminável, começou por dizer Hernâni Dias, presidente da câmara municipal desde 2013. Apaixonado pela sua cidade, foi também de forma apaixonada que nos falou das principais características brigantinas.

Ler notícia