Museu do Caramulo: das artes aos automóveis antigos
27 May, 2022 Última Actualização 8:02 AM, 26 May, 2022

Museu do Caramulo: das artes aos automóveis antigos

 

É hora de conhecer um dos museus mais importantes da região da Beira Alta. A Lusopress subiu à serra e foi conhecer o Museu do Caramulo.

Assim foi, nos anos 50, que nasceu o Museu do Caramulo. Abel de Lacerda, apaixonado por obras de arte e João de Lacerda, apaixonado por automóveis, construíram dois edifícios em plena Serra do Caramulo, e assim expuseram as suas paixões ao mundo. Tiago Patrício Gouveia, director do Museu do Caramulo explicou à Lusopress que as obras expostas no museu vão desde pinturas de Amadeu de Sousa Cardoso, ou Picasso, a coleção de carros antigos. Nesta sala fica a exposição permanente de brinquedos, em miniatura, com mais de 3 mil peças diferentes de diversos países. Com mais de 500 obras na área reservada à arte, o museu tem expostas peças de tapeçaria, arte sacra, objetos com mais de mil anos de existência, como o Hittite Bull. Numa das salas, é possível encontrar obras de arte de artistas de renome, como Pablo Picasso, Salvador Dali, Amadeu de Sousa Cardoso e Miró. Aqui também pode ser visto o retrato de Salazar, pintado por Eduardo Malta no Caramulo. No edifício dedicado aos automóveis encontra-se uma centena de veículos, que representam 140 anos da história do automóvel. De motocicletas antigas, a carros do século XIX, veículos de guerra e carros de competição, neste salão existem veículos para todos os gostos. Também se pode encontrar os carros Cadillac de sete lugares que o Estado Português encomendou em 1947 para transportar António de Oliveira Salazar. Ainda há espaço para encontrar o Rolls Royce Phantom 3 que transportou a rainha da Inglaterra na sua visita a Portugal, assim como os Papas Paulo VI e João Paulo II. Para quem é apaixonado por natureza, arte e automóveis, não deixe de conhecer a região e o Museu do Caramulo. A Lusopress recomenda a visita.

Newsletter

Subscreva a Newsletter para receber conteúdos semanais sobre Portugal e toda a comunidade Portuguesa!

 

Veja também...

A prática de petanca é uma tradição na cidade de Puteaux

 

A petanca é um jogo de origem francesa, criado no princípio do século XX. O seu nome deriva da expressão “pieds tanqués”, que significa pés juntos. Mais do que apenas um jogo, é já considerado um desporto, e existem Federações Nacionais que regulamentam a sua prática.

Ler notícia

CCIFP iniciou encontros com Comunidades Intermunicipais, começando com a região do Médio Tejo

 

O Consulado Geral de Portugal em Paris abriu as portas ao primeiro encontro entre a Câmara de Comércio e Indústria Franco-Portuguesa e uma Comunidade Intermunicipal. O evento teve como objetivo promover o território português e, na primeira edição, esteve em destaque a CIM Médio-Tejo, que reúne 13 municípios da região.

Ler notícia

Academia do Bacalhau de Paris realizou uma tertúlia no restaurante Le Chic

 

A primeira tertúlia após as recentes eleições da Academia do Bacalhau de Paris e sob a nova presidência do compadre Luís Gonçalves, teve lugar no restaurante Le Chic em Pierrelaye, nos arredores de Paris. Estiveram presentes cerca de 80 pessoas, na sua maioria comadres e compadres da academia. O jantar tertúlia teve como intuito a contribuição de fundos para quem mais precisa, e a associação escolhida foi a Les Voiles de I´Espoir, da qual a comadre Isabel da Ponte faz parte desde 2017. O objetivo é proporcionar um passeio durante uma semana a crianças que sofrem de cancro.

Ler notícia