Portugueses de Valor 2020 - Nomeado Rui Gomes Pedro
27 May, 2022 Última Actualização 8:02 AM, 26 May, 2022

Portugueses de Valor 2020 - Nomeado Rui Gomes Pedro

 

Rui Gomes Pedro nasceu em Leiria no ano 1969. Recorda com saudade o Colégio Conciliar Maria Imaculada, o Futebol clube dos Capuchos, a Guia, local onde nasceu o pai e ainda o tempo que passava nos montes, a regar árvores, e nas praias da Nazaré e em São Pedro Moel. Rui iniciou a sua actividade profissional com 13 anos na fábrica do pai, uma confecção de vestuário em pele. Com duas licenciaturas, de DESCAF-Comércio Internacional em 1993 na Escola Superior de Comércio em Poitiers, França, e de licenciatura em Gestão e Organização de Empresas em 1996 no ISEG-Lisboa, termina em 2010 o MBA na HEC Paris (nº3 do ranking Financial Times). Ao longo do período, frequenta vários cursos de formação para executivos no IMD Lausanne-Suiça, na UCLA Los Angeles-USA e na Doshisha Business School em Kyoto-Japão. A sua experiência de gestor passa por 14 anos de Nestlé com carreira internacional, onde assumiu a Direcção Geral de Marketing Estratégico essencialmente em França, Belux e Ibérica e Direção Comercial & Trade Marketing para a Europa do Sul em Grande Distribuição e Fora-do-Lar. Como sucessos europeus evidencia-se o exercício em França de Diretor Geral de Mövenpick of Switzerland e no campo de Marketing Estratégico ser o criador da marca de volume Gelados La Laitière que lhe valeu o 1ºPrémio Nestlé Inovação em 2005. Em 2010, inicia o exercício de docente e empreendedor, concluindo em 2015 o seu doutoramento em Estratégias empresarias de Desenvolvimento Sustentável. Como empreendedor, lança a ideia do famoso profissional Pierre Cluizel, proprietário da sua própria holding de chocolate de luxo. É docente desde 2010 em domínios de desenvolvimento sustentável e suas linhas de economia participativa, solidária, circular, funcional e verde. As experiências são partilhadas junto da l’Universidade Paris-Sorbonne e no CELSA, o mais notável Instituto de media, comunicação e jornalismo de França, onde é igualmente orientador de teses. É fundador e proprietário de 2 empresas que apoiam o seu serviço de gestão: a empresa SustainableGoals, e a empresa Angels Recipes. Rui teve uma educação humildade, mas que apelida de muito rica, exatamente aquilo que deseja poder transmitir aos seus filhos. No seu dia-a-dia, valoriza a componente de intercâmbio pessoal e as relações entre pessoas. A componente associativa sempre fez parte da sua vida, com destaque para a inclusão aos 14 anos na juventude do Lions Club, em Leiria, tendo desempenhado diferentes funções com o passar dos anos. Aos 22 anos foi presidente da juventude Lions Club de Portugal, onde teve vários louvores, tendo conseguido criar 12 novos clubes em Portugal. Para si, ser português é servir e não servir-se. Rui Gomes Pedro considera que a dimensão dos portugueses, desde o seu ADN até à forma como desenvolvem a sua actividade, está sempre primada pelo rigor, pela organização, pela vontade de querer executar bem. “No âmbito da execução, os portugueses são excelentes”.

 

Newsletter

Subscreva a Newsletter para receber conteúdos semanais sobre Portugal e toda a comunidade Portuguesa!

 

Veja também...

A prática de petanca é uma tradição na cidade de Puteaux

 

A petanca é um jogo de origem francesa, criado no princípio do século XX. O seu nome deriva da expressão “pieds tanqués”, que significa pés juntos. Mais do que apenas um jogo, é já considerado um desporto, e existem Federações Nacionais que regulamentam a sua prática.

Ler notícia

CCIFP iniciou encontros com Comunidades Intermunicipais, começando com a região do Médio Tejo

 

O Consulado Geral de Portugal em Paris abriu as portas ao primeiro encontro entre a Câmara de Comércio e Indústria Franco-Portuguesa e uma Comunidade Intermunicipal. O evento teve como objetivo promover o território português e, na primeira edição, esteve em destaque a CIM Médio-Tejo, que reúne 13 municípios da região.

Ler notícia

Academia do Bacalhau de Paris realizou uma tertúlia no restaurante Le Chic

 

A primeira tertúlia após as recentes eleições da Academia do Bacalhau de Paris e sob a nova presidência do compadre Luís Gonçalves, teve lugar no restaurante Le Chic em Pierrelaye, nos arredores de Paris. Estiveram presentes cerca de 80 pessoas, na sua maioria comadres e compadres da academia. O jantar tertúlia teve como intuito a contribuição de fundos para quem mais precisa, e a associação escolhida foi a Les Voiles de I´Espoir, da qual a comadre Isabel da Ponte faz parte desde 2017. O objetivo é proporcionar um passeio durante uma semana a crianças que sofrem de cancro.

Ler notícia