Portugueses de Valor 2021: Nomeado Adelino Gonçalves
22 May, 2022 Última Actualização 1:10 PM, 21 May, 2022

Portugueses de Valor 2021: Nomeado Adelino Gonçalves

 

Adelino Gonçalves é natural da região da Beira Baixa, tendo nascido no ano de 1970 em Oleiros, pertencente ao distrito de Castelo Branco. Da sua infância só guarda boas recordações, pela liberdade que tinha nesse período. “Cresci e vivi num meio rural onde tínhamos muita liberdade, não havia internet, e usufruíamos de tudo o que tínhamos: liberdade e natureza”.

Adelino veio para estudar para Leiria com 15 anos e, aos 21 anos, foi para a Marinha Portuguesa cumprir o serviço militar. Após esse período, aos 22 anos, começou a trabalhar na área da recuperação de crédito para empresas de leasing. “Na altura, trabalhava para a Euroleasing, que era uma empresa do Banco do Fomento Exterior”. No ano seguinte começou a trabalhar por conta própria, estabelecendo-se de imediato. Cinco anos volvidos, criou a Avalibérica e para além da área da recuperação de crédito, entrou também na área das falências das empresas que entravam em quebra.

“Desde essa altura, a Avalibérica foi crescendo e, ao longo dos anos sofreu muitas alterações. Ela foi criada em 98, mas em 2010 vendi as minhas participações da empresa, ficando com o compromisso de ficar cá durante dois anos a fazer a passagem. Fiquei mais um, e no final desse ano perguntaram se eu pretendia recomprar. Na altura, recomprei 50% e fiquei com o meu sócio e hoje estamos aqui nesta atividade, mas pelo meio criamos outras sociedades, na área do investimento e na área do imobiliário”.

Adelino confessa que nunca foi um “rapaz de sonhos”, mas sim pessoas de metas. “E todas as metas que me tenho proposto, fui conseguindo alcançar todas. A minha principal meta e que tenho conseguido levar sempre para a frente é a que nunca ia ser empregado de ninguém. Desde os 22 que trabalho para mim próprio”. E esse seu espírito faz querer alcançar ainda muito mais. “Não estou minimamente satisfeito com o que já consegui. Pretendo fazer muito mais, evoluir nesta área de negócio onde estou, tenho muitos projetos de crescimento”.

Para si, há dois valores essenciais na vida: retidão e educação. Confessa que é um cidadão que poderia dar muito mais do que dá, mas ainda assim contribui ativamente para associações locais, festas e bombeiros e é, inclusive, um dos membros fundadores da associação Leiria Saudável. Para si, ser português significa ser um cidadão do mundo. “Somos muito patriotas, temos orgulho da nossa pátria. Estamos em todo o lado”. A mensagem que deixa a todos os portugueses é que sejam sempre eles próprios. “Façamos pelos outros aquilo que podemos fazer. Somos pessoas de valor, onde quer que estejamos, que deixemos a nossa marca”.

Newsletter

Subscreva a Newsletter para receber conteúdos semanais sobre Portugal e toda a comunidade Portuguesa!

 

Veja também...

Academia do Bacalhau de Paris realizou uma tertúlia no restaurante Le Chic

 

A primeira tertúlia após as recentes eleições da Academia do Bacalhau de Paris e sob a nova presidência do compadre Luís Gonçalves, teve lugar no restaurante Le Chic em Pierrelaye, nos arredores de Paris. Estiveram presentes cerca de 80 pessoas, na sua maioria comadres e compadres da academia. O jantar tertúlia teve como intuito a contribuição de fundos para quem mais precisa, e a associação escolhida foi a Les Voiles de I´Espoir, da qual a comadre Isabel da Ponte faz parte desde 2017. O objetivo é proporcionar um passeio durante uma semana a crianças que sofrem de cancro.

Ler notícia

Portugal esteve presente na Global Industrie, uma das principais feiras dedicadas à indústria

 

A Global Industrie estabeleceu-se como uma das principais exposições do mundo dedicadas à indústria. A exposição realizou-se em Paris e contou com 2300 expositores, cobrindo todo o ecossistema industrial.

Ler notícia

Foi inaugurada em Saint-Maur-des-Fossés a Praça Leiria – Armando Lopes

 

No âmbito do 40º aniversário da geminação entre Leiria e Saint-Maur-des-Fossés foi inaugurada a praça Leira – Armando Lopes. Natural de Leiria, o comendador e empresário português Armando Lopes vive em França desde 1961, e aqui fundou várias empresas desde construção civil até ao ramo dos transportes. Hoje ainda está à frente de várias empresas, além de ser presidente do US Créteil Lusitanos desde 2002 e presidente da Rádio Alfa.

Ler notícia