Associação Les Amis du Plateau organizou, com sucesso, o 4º Festival das Crianças e da Sardinha
09 Aug, 2022 Última Actualização 11:55 AM, 8 Aug, 2022

Associação Les Amis du Plateau organizou, com sucesso, o 4º Festival das Crianças e da Sardinha

 

O cheiro a sardinha assada fez-se sentir em Champigny. Vindas diretamente de Portugal, foram acompanhadas pela tradicional broa e por grelhados alternativos. O menu gastronómico era convidativo, e mais do que suficiente para uma passagem pelo espaço.

A organização esteve a cabo da associação Les Amis du Plateau que, desta forma, deu corpo ao 4º Festival das Crianças e da Sardinha. A associação Les Amis du Plateau existe com um propósito solidário, mas também contribuiu, e muito, para a promoção da cultura portuguesa e das suas origens em França.
 
Uma festa aberta a todo o público, que contou com o apoio do Município de Champigny. Champigny ficará, para sempre, registada na história da emigração portuguesa em França. Ainda hoje, a comunidade portuguesa ali desempenha um papel importante.
 
A associação Les Amis du Plateau faz também parte integrante do coletivo Todos Juntos, e por isso, houve também espaço para uma recolha solidária de alimentos. Uma verdadeira festa portuguesa, onde as crianças brincaram e os adultos conviveram.
 
Este ano a festa foi realizada junto ao monumento oferecido pela comunidade portuguesa a Champigny. Inaugurado em 2016, o monumento homenageia o antigo presidente Louis Talamoni por ter ajudado a comunidade portuguesa que residia no “bidonville”, mas também presta homenagem à comunidade portuguesa que ali viveu.

Newsletter

Subscreva a Newsletter para receber conteúdos semanais sobre Portugal e toda a comunidade Portuguesa!

 

Veja também...

Museu Carmen Miranda, no Marco de Canaveses, reabriu com a exposição temporária "Antestreia"

 

O Museu Carmen Miranda, no Marco de Canaveses, reabriu com uma exposição temporária intitulada “Antestreia”, dedicada à artista e com a curadoria de António Ponte. O Museu Carmen Miranda encontrava-se encerrado para obras de requalificação e ampliação.

Ler notícia

Quinta de Santoinho celebrou os 50 anos de existência com grande festa para o público

 

Festa e arraial minhoto: é assim há 50 anos. A Quinta do Santoinho está de portas abertas desde 1972. O Santoinho nasceu pelas mãos de António Cunha, empreendedor no setor do turismo e transportes, ao sentir a necessidade de englobar num só espaço as vivências e a cultura do Minho.

Ler notícia

Arte para todos os gostos: as opções da Feira Nacional de Artesanato, em Vila do Conde

 

Os jardins da Avenida Júlio Graça, em Vila do Conde, voltaram a encher-se de artesanato. É aqui que decorre a 44ª edição da Feira Nacional de Artesanato. Das rendas de bilros, a feira foi abrindo portas a outros artesãos. Hoje, são cerca de 200 expositores, com artesãos de todo o país, que mostram o que de melhor fazem, com diferentes matérias-primas.

Ler notícia