Temporada Cruzada Portugal França atravessa Lisboa e entra nos Maus Hábitos no Porto
09 Aug, 2022 Última Actualização 11:55 AM, 8 Aug, 2022

Temporada Cruzada Portugal França atravessa Lisboa e entra nos Maus Hábitos no Porto

A residência das artistas Leonor Parda e Aliha Thalien, no Porto, e a 'performance' “Lisboa Crossing”, da dupla boijeot.renauld, a decorrer nas ruas da capital, realizam-se em agosto, no âmbito da Temporada Cruzada Portugal-França.

A portuguesa Leonor Parda e a francesa Aliha Thalien partilham, a partir de quinta-feira, no Maus Hábitos, no Porto, "os processos criativos e resultados da residência cruzada que desenvolveram no âmbito da Temporada Portugal-França", ao longo dos dois últimos meses, e que culminará numa exposição conjunta, a decorrer de outubro a dezembro, na cidade francesa de Clermont-Ferrand, como destaca a comunicação da Temporada.

O projeto associou as estruturas francesas Artistes en Résidence e In Extenso, e as portuguesas Saco Azul e Maus Hábitos, que acolheram a residência das duas artistas, iniciada em junho, em França, que se fixou em Portugal, em julho, e que tem agora o seu 'Open Lab' no Porto, antecedendo a exposição a inaugurar em outubro, no espaço de arte contemporânea In Extenso, de Clermont-Ferrand.

Leonor Parda, artista plástica multidisciplinar, "experimentalista sonora", concluiu o mestrado em Práticas Artísticas Contemporâneas, na Faculdade de Belas Artes da Universidade do Porto, e desenvolveu projetos como "Eternos Desvios", "Não era um coração, a bater", "Poetik Anarki" e "Playground Visions of Disaster", apresentados em diversos centros.

Com trabalho desenvolvido em áreas que vão da arte à música e à curadoria, a expressão de Leonor Parda assume "algumas ideias centrais", como "políticas do corpo, auto-desdomesticação e interdependência fluida como formas de resistência", segundo a sua biografia, publicada na página da Universidade Lusófona do Porto.

Aliha Thalien, que tem no cinema e na imagem em movimento um ponto de partida, com filmes como "Slender" e "Feu Soleil" (já exibido no FEST - Novos Realizadores, Novo Cinema, em Espinho), especializou-se em vídeo artístico e instalação na Escola de Belas-Artes de Paris e no Atelier Julien Prévieux.

Nas suas instalações, estruturadas sobre filmes, vídeos, fotografia e composições sonoras, há também objetos comuns, evocando uma vida quotidiana, que pode assumir, ou não, um caráter fantasioso.

Quanto ao projeto “Lisboa Crossing”, da dupla francesa boijeot.renauld, vai atravessar a cidade, durante 13 dias, de 30 de agosto a 11 de setembro, com a instalação de móveis de madeira no espaço público, convidando "habitantes a ocupar os seus lugares", como descreve o comunicado da Temporada Cruzada.

Esta é uma das ações da dupla Laurent Boijeot, sociólogo, e Sebastien Renauld, arquiteto, desenvolvidas ao longo de um determinado período de tempo, em ruas e praças, seguindo trajetórias através do espaço urbano, envolvendo ou desafiando população local.

Em 2015, uma ação similar levou-os a colocar camas e mesas, projetadas por si mesmos, ao longo da Broadway, em Manhattan, Nova Iorque, definindo espaços na via pública, que ambos habitavam. O mesmo aconteceu em cidades francesas como a de Nancy, de onde provêm, Nanterre, Mulhouse e Bordéus, no Luxemburgo, em Saluzzoo, em Itália, e em Tóquio, no Japão, segundo o seu 'site'.

"Agir na rua é a melhor forma de adquirir conhecimento das práticas comuns, das memórias partilhadas”, dizem os artistas, sobre estas ações, citados pelo comunicado da Temporada. Assim, "de rua em rua, de bairro em bairro", acabam por questionar "os limites do íntimo, do privado e do público".

Em Lisboa, a viagem terminará a Norte, na freguesia de Santa Clara, onde a performance “Lisboa Crossing” se cruza com o festival Todos - Caminhada de Culturas.

No âmbito da Temporada Cruzada, em Lisboa, prosseguem as exposições “Europa Oxalá”, na Fundação Calouste Gulbenkian, até ao próximo dia 22, e “Traverser La Nuit”, até dia 29, no Museu de Arte, Arquitetura e Tecnologia (MAAT).

No Porto, a ‘exposição-performance’ “O Testemunho das Águas”, de Tarek Atoui, fica na Fundação de Serralves, até dia 28.

A Temporada Cruzada Portugal-França é uma iniciativa de diplomacia bilateral entre Portugal e França assente no relacionamento cultural entre os dois países.

FONTE: LUSA

 

Newsletter

Subscreva a Newsletter para receber conteúdos semanais sobre Portugal e toda a comunidade Portuguesa!

 

Outras Notícias

Temporada Cruzada Portugal França atravessa Lisboa e entra nos Maus Hábitos no Porto

A residência das artistas Leonor Parda e Aliha Thalien, no Porto, e a 'performance' “Lisboa Crossing”, da dupla boijeot.renauld, a decorrer nas ruas da capital, realizam-se em agosto, no âmbito da Temporada Cruzada Portugal-França.

Ler notícia

Lusitanos de Saint-Maur apresentou-se para a época 22/23 com novidades

O Lusitanos de Saint-Maur, clube representativo da comunidade portuguesa, apresentou-se para a época 2022/2023 com muitas caras novas e cheio de ambição.

Ler notícia

Festival Amadora BD 2022 será dedicado à relação Portugal-França

O próximo festival Amadora BD, em outubro, será dedicado à relação entre Portugal e França e contará, pela primeira vez, com um espaço dedicado aos videojogos, revelou a organização.

Ler notícia

Vilar Formoso tem “photopoint” na fronteira para atrair emigrantes e turistas

A Associação Territórios do Côa e o município de Almeida inauguraram um ‘photopoint’, na fronteira de Vilar Formoso, para que emigrantes e turistas passem pela vila, agora que a entrada em Portugal é feita por autoestrada.

Ler notícia

Consulado Geral de Portugal em Bordéus reduz tempo de espera de documentos para metade

O cônsul-geral de Portugal em Bordéus, Mário Gomes, diz que o tempo de espera para uma marcação de renovação do cartão de cidadão é agora de mês e meio, esperando que o centro de atendimento telefónico fique ativo para esta região até ao final de 2022.

Ler notícia