05 Dec, 2020 Última Actualização 3:24 PM, 4 Dec, 2020

Dia Mundial da Língua Portuguesa assinala-se hoje

O primeiro Dia Mundial da Língua Portuguesa assinala-se hoje com uma cerimónia e um concerto 'online' em que participam duas dezenas de personalidades lusófonas da política, letras, música ou desporto.

A Organização das Nações Unidas para a Educação, Ciência e Cultura (UNESCO) oficializou a data no ano passado, mas desde 2009 que, em 05 de maio, era comemorado o Dia da Língua e da Cultura Portuguesa, instituído pela Comunidade dos Países de Língua Portuguesa (CPLP). A iniciativa resulta de uma parceria entre o Camões – Instituto da Cooperação e da Língua, CPLP, representação portuguesa na UNESCO, ONUNews e RTP, e será transmitida às 12:00 de Portugal no canal Youtube do Camões.

Serão difundidas mensagens do secretário-geral das Nações Unidas, António Guterres, do Presidente da República de Portugal, Marcelo Rebelo de Sousa, do primeiro-ministro português, António Costa, do chefe de estado de Cabo Verde e presidente em exercício da CPLP, Jorge Carlos Fonseca, do secretário-executivo da CPLP, Francisco Ribeiro Telles, e do embaixador Sampaio da Nóvoa, representante de Portugal na UNESCO.

A estes, juntaram-se cerca de duas dezenas de outras personalidades lusófonas incluindo escritores, músicos, cineastas ou cientistas. Entre eles contam-se os escritores Mia Couto (Moçambique), Germano Almeida (Cabo Verde) ou Manuel Alegre (Portugal) e os cantores Adriana Calcanhoto (Brasil), Dino Santiago (Portugal/Cabo Verde) ou Carminho (Portugal). Participam também o futebolista Pedro Pauleta, o canoísta Fernando Pimenta (Portugal), o cineasta Flora Gomes (Guiné-Bissau), a cientista Maria Manuel Mota, o teólogo e cardeal José Tolentino de Mendonça (Portugal) ou o político timorense José Ramos-Horta, entre outros.

A efeméride contará ainda com um espaço de concerto com os músicos do Aline Frazão (Angola), Ivan Lins (Brasil), Teófilo Chantre (Cabo Verde), Manecas Costa (Guiné-Bissau), Stewart Sukuma (Moçambique), João Gil (Portugal), Tonecas Prazeres (São Tomé e Príncipe) e Zé Camarada (Timor-Leste). Além deste evento ‘online’, haverá ainda iniciativas nos vários países lusófonos.

Será também divulgado um estudo sobre “A língua portuguesa como ativo global” e lançado um concurso literário para estudantes de língua e literaturas portuguesas espalhados pelo mundo. Os “Contos do Dia Mundial da Língua Portuguesa”, iniciativa do instituto Camões, da Porto Editora e do Plano Nacional de Leitura (PNL) desafia os alunos de português a escreverem um conto inédito, de uma a três páginas.

O português é falado por mais de 260 milhões de pessoas nos cinco continentes, ou seja, 3,7% da população mundial. É língua oficial dos nove países-membros da CPLP (Angola, Brasil, Cabo Verde, Guiné-Bissau, Guiné Equatorial, Moçambique, Portugal, São Tomé e Príncipe e Timor-Leste) e Macau, bem como língua de trabalho ou oficial de um conjunto de organizações internacionais como a União Europeia, União Africana ou o Mercosul. 

FONTE: LUSA

Newsletter

Subscreva a Newsletter para receber conteúdos semanais sobre Portugal e toda a comunidade Portuguesa!

 

Outras Notícias

Alunos lusófonos em Londres fizeram progresso na última década

Os alunos lusófonos melhoraram os resultados escolares na última década, em Lambeth, município londrino onde está concentrada uma grande comunidade portuguesa, apesar de ainda terem taxas de sucesso inferiores a outros grupos étnicos, mostra um estudo da autarquia.

Ler notícia

Presidenciais: Comunidades enviam propostas para aumentar participação da diáspora

O Conselho das Comunidades Portuguesas (CCP) propõe o desdobramento das mesas de voto e a divulgação de medidas de prevenção face à covid-19 com vista a uma maior participação da diáspora nas próximas eleições presidenciais.

Ler notícia

Autarcas de origem portuguesa em França promovem encontro virtual

Os autarcas de origem portuguesa em França vão reunir-se virtualmente este sábado para falar sobre o poder da ação social mesmo em tempos de pandemia, num encontro onde vão marcar presença autoridades portuguesas, francesas e deputados dos dois países.

Ler notícia

Investidores da Diáspora candidatam-se a apoios ao emprego de mais de 17 ME

O Governo anunciou hoje que os investidores da Diáspora apresentaram 142 candidaturas ao programa +CO3SO Emprego, a medida de empregabilidade lançada em julho, num montante global de 17 milhões de euros para a criação 363 postos de trabalho.

Ler notícia

Abertura do Centro de Atendimento Consular para a Bélgica

Centro de Atendimento Consular (CAC) português para a Bélgica entrou hoje em funcionamento, com o propósito de desmaterializar e simplificar os atos consulares, anunciou hoje o Ministério dos Negócios Estrangeiros.

Ler notícia