Festas e romarias de Portugal de que já temos saudades
01 Aug, 2021 Última Actualização 5:09 PM, 29 Jul, 2021

Festas e romarias de Portugal de que já temos saudades

A pandemia teve impacto em inúmeros setores e atividades. As festas e romarias foram uma das áreas afetadas, deixando de ser possível reunir multidões e celebrar as tradições mais típicas de Portugal. Enquanto não podemos voltar a vivê-las, vale a pena recordar algumas das mais famosas.      

 


De norte a sul de Portugal, passando pelas ilhas, são inúmeras as festas e romarias que unem as pessoas à volta de uma comemoração comum. Algumas são de tradição popular, outras ligadas a origens religiosas. Portugal é rico neste tipo de iniciativas e tem algumas celebrações reconhecidas pelo mundo inteiro como únicas! 

Festas e Romarias no Norte de Portugal

Viana do Castelo – Romaria de Nossa Senhora D’Agonia

No coração do Minho, as festas em honra da Senhora da D’Agonia levam milhares de pessoas até Viana do Castelo, na segunda quinzena de Agosto. Esta romaria é realizada anualmente e inclui uma procissão onde os trajes típicos da região saem à rua, para desfilar pelos tapetes de flores colocados na cidade. Uma das tradições memoráveis é a ostentação das peças de ouro feitas em filigrana. A romaria inclui, ainda, um gigantesco fogo de artifício. 

Porto e Braga – S. João

 O S. João, celebrado em cidades como o Porto e Braga, é uma das festas populares mais reconhecidas em Portugal. Marcada pela tradição dos martelos de plástico e do alho porro, esta romaria leva milhares de pessoas às ruas destas cidades, para uma noite que promete ser longa.  

 

Macedo de Cavaleiros - Festa dos Caretos

 Na freguesia de Podence, em Macedo de Cavaleiros, é a Festa dos Rapazes que dá cor às ruas em pleno Entrudo. Esta celebração é Património Imaterial da UNESCO e é uma verdadeira animação para quem assiste às “partidas” destes personagens de chocalho à cintura. 

 

Barcelos – Festa das Cruzes

 Em maio, Barcelos vive apaixonadamente uma celebração religiosa que remonta ao século XVI. A festa, de cariz religioso até ao século XIX, passou a acolher celebrações mais populares e com diversas animações por toda a cidade a partir do século XX. 

Ponte de Lima – Feiras Novas 

As Feiras Novas, referência no norte e em todo o país, remontam ao ano de 1826 e atraem milhares de visitantes todos os anos. As Feiras Novas irradiam a alegria e espontaneidade do povo. Por toda a vila, as rusgas, as concertinas, os cantares ao desafio, o folclore e a gastronomia transformam estas festas num acontecimento inesquecível para quem as vive. 

Festas e Romarias no Centro de Portugal

Tomar – Festival dos Tabuleiros

Esta festa é realizada de quatro em quatro anos e é considerada a celebração mais importante desta região, sendo apresentada como a “festa do povo, pelo povo e para o povo”. Nesta romaria são levados em cortejo diversos tabuleiros adornados por flores, pão, espigas de trigo e outras colheitas tradicionais.  

Viseu – Festa de S. Mateus

Esta romaria de cariz popular realiza-se durante cerca de 30 dias e é uma das mais típicas do Centro do país. No programa anual destas festas encontram-se exposições, concertos, comércio e gastronomia tradicional, entre outros destaques. 

Torres Vedras  - Carnaval

O Carnaval em Torres Vedras promete sempre muita animação e é considerado o Entrudo mais portugues de Portugal. O desfile de carros alegóricos é uma das tradições, para além das famosas “matrafonas” que são um verdadeiro símbolo. 

 

Lisboa – S. António

Outra das festas populares mais famosas em Portugal é o S. António, em Lisboa. Milhares de locais e turistas reúnem-se em celebração na noite de 12 para 13 de junho, onde não falta a sardinha assada. 

Festas e Romarias no Sul de Portugal 

Barrancos – Festas em honra da Nossa Senhora da Conceição

No final de agosto, Barrancos é o centro de uma festa popular e religiosa que leva muitos curiosos até esta vila.  Estas celebrações são marcadas por momentos de convívio, música e pelos tradicionais festejos taurinos.    

Loulé – Festejos da Mãe Soberana

A padroeira da cidade de Loulé - a Nossa Senhora da Piedade – (também apelidada de Mãe Soberana) está no centro da festa, que acontece há mais de 500 anos. A festa comemora-se no domingo de Páscoa e é indicada como “a maior manifestação religiosa a Sul de Fátima”, pelos organizadores desta iniciativa. 

 

Festas e Romarias nas ilhas da Madeira e dos Açores

Funchal – Festa da Flor

Durante a primavera, a capital da Madeira recebe milhares de pessoas para assistir a um desfile único e repleto de cor. Com um clima único para o cultivo de diversos tipos de flores, a ilha faz a sua homenagem a uma tradição histórica nesta cidade: a venda de flores. 

 

Ponta Delgada – Festas do Divino Espírito Santo

De origem religiosa, as Festas do Espírito Santo reúnem os açorianos todos os anos. Esta festa ocorre entre a Páscoa e o Pentecostes e, para além dos seus rituais religiosos, que incluem a coroação de uma criança com um ceptro e uma placa de prata a simbolizar o Espírito Santo, é também marcada pelo convívio familiar. Outra das tradições típicas desta festividade é a distribuição gratuita de massa e leite.