02 Dec, 2020 Última Actualização 3:17 PM, 1 Dec, 2020

Pedidos de assistência dispararam na comunidade luso-americana de São José

O isolamento e dificuldades económicas provocados pela pandemia de covid-19 fizeram disparar os pedidos de assistência à Organização Portuguesa para Serviços Sociais e Oportunidades (POSSO, na sigla inglesa), que apoia a comunidade em São José.

De acordo com a diretora-executiva Bela Ferreira, a associação está agora a providenciar diariamente o triplo das refeições diárias em relação ao que fazia antes da pandemia, organizando a entrega em casa dos luso-americanos mais vulneráveis que residem naquela zona da Califórnia. "Temos tido números muito elevados", disse à Lusa a responsável. "Tem sido complicado, com os idosos cresceu imenso". A POSSO serve uma região com uma comunidade considerável, estimando-se que haja cerca de 13 mil pessoas de origem portuguesa só na cidade de São José, de acordo com o US Census Bureau.

"Temos recebido mais telefonemas da comunidade portuguesa, de pessoas que não vinham à nossa sede, não os conhecíamos", explicou Bela Ferreira. "O nosso problema agora é que não podemos chegar a todo o lado". Quando os pedidos de assistência vêm de zonas fora do circuito que a POSSO está a servir, a organização remete as pessoas para outros programas de auxílio, como o Meals on Wheels. Segundo a responsável, há mesmo portugueses que estão em situação de sem-abrigo em São José e a organização tem um programa para os auxiliar, em coordenação com as ajudas fornecidas pelo condado.

Com a cozinha aberta e disponível para quem possa ir buscar refeições, o trabalho que a POSSO faz tornou-se mais abrangente por causa da pandemia. "Os empregados do escritório estão a fazer o transporte, a ajudar na cozinha e a fazer visitas de bem-estar, para ver se os idosos que estão em casa têm necessidade de remédios e de compras básicas", explicou Bela Ferreira. "Temos conseguido levar isso ao domicílio". A organização está igualmente a ajudar os portugueses que precisam de tratar da declaração de impostos, formulários para o fundo de desemprego e outros documentos, como o Censo 2020.

A POSSO, que tem neste momento 12 pessoas a trabalhar, é uma das parceiras do Conselho de Liderança Luso-americano, PALCUS, que lançou recentemente a campanha "Support our Elders" (Apoiem os nossos Anciãos) para ajudar no financiamento da assistência aos portugueses mais idosos nos Estados Unidos. Por causa da pandemia, a POSSO teve de cancelar o banquete do seu 44.º aniversário e vai fazer uma maratona de angariação de donativos na estação de rádio KSQQ-96.1FM, no dia 16 de maio.

Está também em ponderação a abertura de uma campanha na plataforma GoFundMe, acompanhada de vídeos para promover nas redes sociais os serviços que estão a ser prestados durante a crise. "Necessário é, não há dúvida, as pessoas estão a receber muito bem", indicou Bela Ferreira. Além das refeições, a organização criou um livro com caça-palavras, desenhos para colorir, versos e folhetos sugerindo exercícios em casa, em português, para ajudar os idosos a manterem-se ativos. "Nós tínhamos um programa diário que era muito bem recebido pelos idosos na nossa sede. Agora, com eles em casa, é preocupante, muitos pouco andavam e se não fazem mesmo nada ainda é pior".

A responsável frisou que um dos problemas é que há pessoas "que estão a ficar muito deprimidas, especialmente porque não podem ver os familiares" nem sair ou conviver como faziam antes. "É necessário eles estarem em casa", sublinhou a diretora-executiva, "mas ao mesmo tempo estão a sentir-se presos". Bela Ferreira referiu pelo menos três casos de luso-americanos que contraíram covid-19 na comunidade e estão agora a recuperar da doença.

Os Estados Unidos são o país com mais mortos (67.674) e mais casos de infeção confirmados (mais de 1,1 milhões). A nível global, segundo um balanço da agência de notícias AFP, a pandemia de covid-19 já provocou mais de 245 mil mortos e infetou mais de 3,4 milhões de pessoas em 195 países e territórios. Mais de um milhão de doentes foram considerados curados.

 

FONTE: LUSA

Newsletter

Subscreva a Newsletter para receber conteúdos semanais sobre Portugal e toda a comunidade Portuguesa!

 

Outras Notícias

Alunos lusófonos em Londres fizeram progresso na última década

Os alunos lusófonos melhoraram os resultados escolares na última década, em Lambeth, município londrino onde está concentrada uma grande comunidade portuguesa, apesar de ainda terem taxas de sucesso inferiores a outros grupos étnicos, mostra um estudo da autarquia.

Ler notícia

Presidenciais: Comunidades enviam propostas para aumentar participação da diáspora

O Conselho das Comunidades Portuguesas (CCP) propõe o desdobramento das mesas de voto e a divulgação de medidas de prevenção face à covid-19 com vista a uma maior participação da diáspora nas próximas eleições presidenciais.

Ler notícia

Autarcas de origem portuguesa em França promovem encontro virtual

Os autarcas de origem portuguesa em França vão reunir-se virtualmente este sábado para falar sobre o poder da ação social mesmo em tempos de pandemia, num encontro onde vão marcar presença autoridades portuguesas, francesas e deputados dos dois países.

Ler notícia

Investidores da Diáspora candidatam-se a apoios ao emprego de mais de 17 ME

O Governo anunciou hoje que os investidores da Diáspora apresentaram 142 candidaturas ao programa +CO3SO Emprego, a medida de empregabilidade lançada em julho, num montante global de 17 milhões de euros para a criação 363 postos de trabalho.

Ler notícia

Abertura do Centro de Atendimento Consular para a Bélgica

Centro de Atendimento Consular (CAC) português para a Bélgica entrou hoje em funcionamento, com o propósito de desmaterializar e simplificar os atos consulares, anunciou hoje o Ministério dos Negócios Estrangeiros.

Ler notícia