Governo eleva classificação dos vice-consulados de Portugal em Toulose e em Vigo
21 Oct, 2021 Última Actualização 8:19 AM, 19 Oct, 2021

Governo eleva classificação dos vice-consulados de Portugal em Toulose e em Vigo

O vice-consulado de Portugal em Toulouse será elevado a consulado e o vice-consulado de Portugal em Vigo passará a consulado-geral, no âmbito da reorganização da rede externa prevista no novo Regulamento Consular, anunciou hoje o Governo.

Uma nota do Ministério dos Negócios Estrangeiros refere que “está em preparação a reclassificação dos vice-consulados cujas comissões de serviço dos respetivos titulares terminam até setembro de 2021”.

Nesse sentido, o atual vice-consulado de Portugal em Toulouse será elevado a consulado, “dando resposta às necessidades da numerosa comunidade portuguesa ali residente”.

O vice-consulado de Portugal em Vigo passará a consulado-geral, atendendo “à importância das relações políticas, económicas e culturais entre os dois países, e em particular entre o norte de Portugal e a Galiza”.

O Ministério dos Negócios Estrangeiros esclareceu que os atuais vice-consulados se mantêm em funcionamento como postos consulares até à atribuição de nova categoria e garante que não está em causa “qualquer extinção da estrutura consular nos locais onde existem vice-consulados”.

“No âmbito desta reavaliação da rede está também a ser analisada a situação dos consulados honorários, que por lei não podem assumir a totalidade das competências para a prestação de serviços consulares”, acrescenta-se na nota.

Os consulados honorários, prossegue-se no comunicado, manter–se–ão como atualmente, mas “o novo Regulamento Consular alinha a sua classificação de acordo com a Convenção de Viena sobre Relações Consulares, procurando manter um serviço de proximidade e qualidade que assegure a prestação de todos os atos consulares, designadamente através do alargamento da rede de escritórios consulares”.

Há precisamente uma semana, o PSD questionou o Governo sobre o eventual fim das representações diplomáticas permanentes em algumas cidades onde a comunidade portuguesa está presente, como consequência da recente alteração do Regulamento Consular.

O PSD alertou, na altura, que “a eliminação dos vice-consulados, das agências consulares e dos próprios consulados honorários da categoria dos postos consulares terá fortes implicações no serviço prestado aos utentes e na presença político-diplomática de Portugal, num conjunto significativo de cidades e regiões”.

“Em cidades como Providence, Recife, Belém do Pará, Fortaleza, Vigo, Curitiba, Toulouse e Porto Alegre a nossa presença consular ficará em breve reduzida a um simples escritório, sem qualquer tipo de autonomia funcional e sem uma chefia permanente”, acrescentaram os sociais-democratas.

Segundo o Governo, “o novo Regulamento Consular vem, assim, reforçar de forma progressiva e evolutiva a rede externa portuguesa, robustecendo os postos consulares já existentes e reforçando a rede de proximidade em locais onde esta é necessária”, indica o Ministério dos Negócios Estrangeiros.

FONTE: LUSA

Newsletter

Subscreva a Newsletter para receber conteúdos semanais sobre Portugal e toda a comunidade Portuguesa!

 

Outras Notícias

OE2022: Eleições para Conselho das Comunidades vão ter projeto-piloto de voto eletrónico

O Governo prevê realizar um projeto-piloto de voto eletrónico à distância nas eleições para o Conselho das Comunidades Portuguesas, que se realizam em março de 2022, segundo a proposta do Orçamento do Estado (OE2022).

Ler notícia

Expositores portugueses na feira internacional das industrias do ambiente em Lyon: POLLUTEC.

A feira bienal internacional POLLUTEC que terá lugar de 12 a 15 de Outubro no Parc des Expositions Lyon Eurexpo, é uma das maiores exposições mundiais do sector do ambiente (equipamentos, tecnologias e serviços ambientais), que reúne um universo de importantes empresas fabricantes de equipamentos e processos industriais assim como empresas de serviços industriais.

Ler notícia

Sobe número de eleitos regionais e departamentais de origem portuguesa em França

Após as eleições regionais e departamentais em França, a comunidade portuguesa está representada com cerca de 20 eleitos nos conselhos departamentais e mais de 10 nos conselhos regionais, uma subida em relação a 2015, segundo fonte oficial.

Ler notícia

Governo eleva classificação dos vice-consulados de Portugal em Toulose e em Vigo

O vice-consulado de Portugal em Toulouse será elevado a consulado e o vice-consulado de Portugal em Vigo passará a consulado-geral, no âmbito da reorganização da rede externa prevista no novo Regulamento Consular, anunciou hoje o Governo.

Ler notícia

Organização portuguesa no Canadá distribui 45 bolsas de estudo no valor de 47,5 mil euros

Uma organização portuguesa no Canadá distribuiu na semana passada 45 bolsas de estudo a alunos lusodescendentes do ensino pós-secundário no valor de aproximadamente 70 mil dólares canadianos (47,5 mil euros).

Ler notícia