Governo alarga programa Regressar a emigrantes que criem empresas ou emprego
01 Mar, 2021 Última Actualização 11:13 AM, 1 Mar, 2021

Governo alarga programa Regressar a emigrantes que criem empresas ou emprego

O apoio ao regresso de emigrantes é alargado, a partir de sexta-feira, aos que criem empresas ou emprego, e não só aos que iniciem atividade laboral por conta de outrem, segundo uma portaria hoje publicada.

O diploma, que entra em vigor no dia seguinte ao da publicação, prolonga a aplicação da Medida de Apoio ao Regresso de Emigrantes a Portugal, que terminava em 2020, até ao final de 2023.

O alargamento da cobertura do programa Regressar, aos que iniciem atividade laboral criando uma empresa ou o próprio emprego, e o prolongamento do horizonte temporal da medida de apoio visam incentivar o regresso e a fixação de emigrantes ou familiares de emigrantes em Portugal.

Os emigrantes recebem um apoio financeiro, bem como a comparticipação em custos de transporte de bens e de viagem, e de respetivos membros do agregado familiar, mediante o início de atividade laboral em Portugal continental.

Este alargamento e prolongamento já tinham sido anunciados em novembro do ano passado, pela secretária de Estado das Comunidades Portuguesas, Berta Nunes, em Castelo Branco, durante o 1.º Fórum Empresarial da recém-criada Câmara de Comércio da Região das Beiras, onde anunciou que ia ser acrescentada uma medida de apoio ao regresso para criar o próprio emprego.

"O Programa Regressar, o mais bem-sucedido dos programas semelhantes de que temos conhecimento, terminaria este ano. Mas, como continua a ter muita procura, ele vai ser reavaliado e prolongado até 2023 e vamos ter mais medidas", afirmou na altura.

O Programa Regressar tem como objetivo promover e apoiar o regresso a Portugal dos emigrantes, bem como dos seus descendentes e outros familiares.

FONTE: LUSA

Newsletter

Subscreva a Newsletter para receber conteúdos semanais sobre Portugal e toda a comunidade Portuguesa!

 

Outras Notícias

Empreendedoras luso-americanas promovem cultura portuguesa nos EUA com marca LisbonBlue

As empreendedoras luso-americanas Maria e Lisa Dias, uma dupla de mãe e filha, criaram a marca LisbonBlue para promover a cultura portuguesa nos Estados Unidos, retirando inspiração do azul dos azulejos espalhados pela capital.

Ler notícia

Conselheiros das Comunidades querem equiparação de residentes no estrangeiro nas eleições

Os conselheiros das Comunidades Portuguesas escreveram uma carta à secretária de Estado das Comunidades e à Assembleia da República a propor a equiparação dos residentes no estrangeiro em todos os atos eleitorais, disse à Lusa fonte das comunidades.

Ler notícia

Luso-americanos estão a sair dos estados tradicionais em direção à Florida e Texas

A população luso-americana nos estados tradicionais de emigração está a diminuir e regista-se um aumento nas comunidades na Florida, Texas e outros estados, segundo dados do American Community Survey citados pelo Conselho de Liderança Luso-Americano (PALCUS, na sigla inglesa).

Ler notícia

Luso-americana leva inspiração portuguesa ao visual da Silveira Designs

A luso-americana Angela Silveira Laines, filha de açorianos que emigraram para a Califórnia, é a força criativa por trás da Silveira Designs, que desenvolve design gráfico inspirado na comunidade portuguesa.

Ler notícia

RoadShow France | Portugal – Ribatejo Opportunités d’Affaires decorre online a 15 de Março

O RoadShow France | Portugal é um evento organizado no âmbito do projeto Ribatejo Global, da iniciativa da NERSANT, Associação Empresarial da Região de Santarém. 

Ler notícia